quarta-feira, 18 de abril de 2018

Produtores rurais Fluminenses ganham galpão multiuso


Cerca de 300 famílias serão contempladas em Magé


O Governo do Estado do Rio de Janeiro inaugurou, nesta terça-feira (17/4), um galpão multiuso para produtores rurais dos assentamentos de Pau Grande, Cachoeira Grande e Santa Rosa, em Magé, na Região Metropolitana do Rio de Janeiro. Situado no assentamento rural de Pau Grande, o galpão irá atender as três comunidades rurais, beneficiando cerca de 250 famílias diretamente e 300, indiretamente.

Os três assentamentos foram atendidos por convênio estabelecido entre o Governo do Estado, através do Instituto de Terras e Cartografia do Estado do Rio de Janeiro (Iterj), que é vinculado à Secretaria do Ambiente, e o Governo Federal, por meio do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).
 
– São comunidades de pequenos produtores que não teriam condições de, isoladamente, comprar equipamentos e insumos para melhorar a produção – ressaltou o secretário do Ambiente, Marco Aurélio Porto.

Destinado à agricultura familiar, o galpão servirá para guardar equipamentos e insumos já entregues aos produtores rurais, alojamento local do Iterj e escritório das associações de produtores dos assentamentos. O espaço também será utilizado para realização de cursos de capacitação, reuniões, encontros sociais e culturais, festejos e atendimento social às famílias dos agricultores.

– O galpão multiuso passa a ser um instrumento fundamental como centro de agregação, organização e capacitação, que permitirá que os agricultores familiares se mantenham unidos e atuantes – contou a presidente da Iterj, Elizabeth Mayumi Sone.

Os assentamentos contemplados pelo convênio Iterj e BNDES estão sendo beneficiados desde 2012 com projetos de apoio à produção agrícola, como aquisição de insumos (sementes, adubos e corretivos), tratores, grades, roçadeiras, sulcadores e micro tratores, entre outros equipamentos. Para o escoamento da produção, também foram entregues caminhões.

– Nesta parceria colocamos parte do recurso, não reembolsável, e o Governo do Estado, a outra parte. Temos atendido a um total de 26 assentamentos, cada um com suas necessidades específicas – afirmou o representante do BNDES, Marcos Matias Cavalcante.

Aprovação

O espaço entregue servirá para a realização de eventos e reuniões.

– Esta é a nossa primeira sede. Nossas reuniões eram feitas na casa de nossos produtores. Esta é, com certeza, uma grande aquisição para os produtores – comemorou o agricultor rural e presidente da Associação de Produtores Rurais de Pau Grande, Maurino de Souza.


COMPARTILHE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe