quinta-feira, 21 de novembro de 2019

Gugu Liberato morre aos 60 anos


Apresentador teria tido morte cerebral após sofrer um acidente doméstico e bater com a cabeça em uma quina


Gugu Liberato morreu aos 60 anos, após sofrer um acidente doméstico nesta quarta-feira (20), em sua mansão localizada em Orlando, no estado da Flórida, nos Estados Unidos. A informação do óbito foi confirmada pela Band News. O apresentador estava colocando enfeites de Natal na parte externa da casa, onde moram seus filhos João Augusto, de 17 anos, e as gêmeas Sofia e Marina, de 15 anos, quando caiu de uma altura de quatro metros e bateu com a cabeça em uma quina. Levado às pressas ao hospital mais próximo, o apresentador foi internado em estado muito grave. De acordo com as primeiras informações, Gugu teria tido morte cerebral.

A coluna foi informada sobre o óbito na tarde de hoje, mas em respeito à família, preferiu esperar um comunicado oficial ou que outro veículo noticiasse o fato. A Record TV segue mantendo a morte de seu funcionário em sigilo até que a família chegasse ao hospital e planejou um pronunciamento oficial sobre o falecimento às 21h. Dona Maria do Céu, mãe do apresentador de 90 anos, embarcou nesta manhã, às 10h20, em um vôo da TAM JJ8186 para Orlando, para acompanhar todo o trâmite de perto. Ela chegou ao hospital às 16h. O corpo de Gugu Liberato será transferido para São Paulo, onde o enterro será realizado no Cemitério do Murumbi, o mesmo onde o pai de Gugu foi enterrado.

Presságio?
No início deste mês, a equipe das redes sociais do Power Couple havia publicado uma foto de Gugu informando sobre a até então suposta morte do apresentador. Após enorme mobilização dos internautas em torno da falsa notícia, Gugu foi até o Twitter para desmentir o boato e tranquilizar seus fãs e admiradores.


Reality já gravado 
O reality 'Canta Comigo', apresentado por Gugu Liberato, já está todo gravado. A atração estava prevista para ir ao ar como um 'gravado que simula um ao vivo' e apenas a final seria efetivamente em tempo real. Diante da trágica morte do apresentador, a coluna ainda não sabe se a Record vai manter o reality ou se haverá reformulações na atração.


ODia

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Chuva provoca alagamentos, quedas de árvores e interdições de estradas em Cambuci; veja o vídeo


Temporal atingiu a cidade na tarde desta quarta-feira (20). Segundo a Defesa Civil, ninguém se feriu. Município está em estágio de alerta




Um temporal atingiu a cidade de Cambuci, no Noroeste Fluminense, na tarde desta quarta-feira (20) e provocou alagamentos, quedas de árvores e interdições de estradas.

Segundo a Defesa Civil, ninguém se feriu e não há registros de desabrigados e desalojados. O órgão afirmou que choveu mais de 100 mm em quatro horas. O esperado para todo o dia era 35 mm.

O município informou que está em estágio de alerta e que os rios continuam cheios na noite desta quarta.

De acordo com o secretário de Defesa Civil de Cambuci, Eduardo Werneck Paes, parte da ponte, que liga o Centro ao Parque Aquático, na Rodovia Moreira Franco, também foi carregada pela enxurrada. Apenas pedestres conseguem passar pelo local.

O secretário disse ainda que as estradas interditadas são as que ligam Cambuci a Monte Verde e São João do Paraíso.

Já no bairro Suburban, algumas residências ficaram alagadas durante o temporal, mas segundo Eduardo, a água já abaixou.

Equipes da Defesa Civil, Secretarias de Obras e Meio Ambiente estão nas ruas avaliando os estragos provocados pela chuva.

A limpeza das vias deverá ser feita na manhã desta quinta-feira (21), ainda segundo o município.

No ano passado, a cidade também foi atingida e enfrentou uma série de transtornos com temporais nesta época do ano, com casas e ruas alagadas.
O Parque Aquático chegou a ser interditado após uma forte chuva também no mês de novembro.


G1

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Flamengo está disposto a pagar R$ 73 mi por destaque do Furacão


O meia Bruno Guimarães, do Athletico-PR, pode ser o novo reforço rubro-negro para a temporada 2020

Flamengo já começou a planejar a sua temporada 2020. De acordo com informações do jornal O Globo, a equipe carioca estaria interessada na contratação do meia Bruno Guimarães, do Athletico-PR.
O jogador de 22 anos tem preferência de compra para o futebol europeu, mercado para o qual tem uma multa rescisória de 30 milhões de euros. Para o Brasil, o valor é menor: 16 milhões de euros (algo em torno de R$ 73 milhões), quantia que o rubro-negro está disposto a desembolsar.
Bruno Guimarães é um dos principais destaques do Athletico-PR na temporada, ajudando a equipe nas conquistas da Sul-Americana, no ano passado, e da Copa do Brasil, neste ano. Carioca, ele foi revelado pelo Audax e chegou ao Furacão em 2017.


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Menina de 3 anos é espancada até a morte; mãe e padrasto são presos

Os dois chegaram com a criança já morta no hospital




Uma menina de 3 anos morreu vítima de espancamento na zona leste de São Paulo, nesta terça-feira (19). A mãe e o padrasto de Micaelly Luiza de Souza Santos são os principais suspeitos do crime e foram presos após levá-la ao hospital Planalto, que fica na região de Itaquera. As informações são do jornal Bom Dia SP. 

O principal suspeito de cometer as agressões é Ewerton Queirós Lourenço, de 30 anos, namorado da mãe da menina, Isadora Pereira de Souza, de 20 anos. Os dois chegaram com a criança já morta no hospital e foram detidos e levados ao 22º Distrito Policial de São Miguel, mas negam o crime. 

A causa da morte ainda será confirmada pelo laudo do Instituto Médico Legal (IML), mas o delegado local pediu a prisão temporária do casal por cinco dias e agora aguarda a decisão da Justiça. Em 5 de novembro, a jovem já tinha sido internada no hospital Tíde Setúbal, na Vila Dr. Eiras, com suspeitas de espancamento. 

Diretor do hospital, Carlos Alberto Velucci disse ao portal G1 que a criança chegou ao local com "hematomas na face, hematomas no tórax e nos membros". "Nós avisamos a delegacia, o conselho tutelar, tomamos as providências. Ela foi ao IML fez o corpo de delito, foi internada até o dia 18 [de novembro]", afirmou. 

Após a denúncia, a Justiça determinou que a avó materna de Micaelly passasse a ter sua guarda provisória por seis meses. Ao receber alta médica, no entanto, a avó levou a garota para a casa da mãe. 

A polícia diz que, em menos de 24 horas, Micaelly foi espancada até a morte e sofreu ainda violência sexual. Às autoridades, o casal disse que a menina caia muito e que esse era o motivo dos vários ferimentos e machucados. Para o delegado do caso, no entanto, as explicações foram insuficientes e sem sentido.

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

terça-feira, 19 de novembro de 2019

PM do Rio retira mais de 5 mil armas de circulação desde janeiro


Foram 451 fuzis, 2.735 pistolas e 2.049 revólveres

A Polícia Militar do Rio de Janeiro retirou de circulação, desde o início do ano, 451 fuzis, além de ter apreendido 2.735 pistolas e 2.049 revólveres. Por meio de seu perfil na rede social Twitter, a corporação classificou a marca como histórica e algo que demonstra “empenho e dedicação no combate ao crime”.
De acordo com a Subsecretaria de Inteligência da Polícia Militar, que realizou levantamento sobre a procedência dos 451 fuzis apreendidos em operações de combate às organizações criminosas, 94% dessas armas foram fabricadas no exterior, enquanto 6% são de origem nacional.
“O expressivo número de apreensões de fuzis demonstra, por um lado, a capacidade operacional dos policiais militares, mas, por outro, revela o poder do tráfico internacional de armas que abastece as facções criminosas”.
Também por meio das redes sociais, o governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel, avaliou que não há como enfrentar o crime organizado sem “asfixiar” a circulação de armas. “Atingir a marca de 451 fuzis apreendidos pela Polícia Militar é a certeza de que estamos enfraquecendo a criminalidade”, destacou.

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Com Selic em queda, poupança pode passar a render menos que a inflação



Com a taxa básica de juros, a Selic, em queda, os rendimentos da poupança devem perder para a inflação. Isso pode acontecer porque os rendimentos da poupança são 70% da Selic, mais a Taxa Referencial (TR), que está zerada.
Atualmente, a Selic está em 5% ao ano e o Banco Central já sinalizou que a taxa deve cair em dezembro para 4,5% ao ano e encerrar 2020 nesse patamar. Com isso, os rendimentos da poupança vão passar de 3,5% para 3,15% ao ano. Já a inflação, calculada pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), deve fechar 2019 em 3,31% e 2020, em 3,60%, de acordo com estimativas do mercado financeiro.
Se for considerada a previsão mensal, a inflação deve chegar a 0,36%, em novembro, e a 0,35%, em dezembro, enquanto a poupança vai render 0,29% ao mês, com a Selic em 5%, e 0,26% ao mês, se a taxa básica cair para 4,5% ao ano.
Os investidores que têm poupança antiga e não retiraram os recursos recebem rendimentos maiores. Isso porque todos os depósitos feitos até 3 de maio de 2012 rendem 0,5% ao mês (ou 6,17% ao ano), mais TR. A partir de 4 de maio de 2012, a nova regra de cálculo da poupança passou a ser 70% da Selic mais TR, sempre que a taxa estiver abaixo ou igual a 8,5% ao ano. Acima de 8,5% ao ano, o rendimento é 0,5% ao mês mais TR.
O diretor executivo de Estudos e Pesquisas Econômicas da Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade (Anefac), Miguel José Ribeiro de Oliveira, afirma que essa nova realidade de a poupança render pouco veio para ficar. “É uma realidade porque os juros vão ficar baixos. Vão cair de novo agora no mês de dezembro, possivelmente para 4,5% ao ano. Isso quer dizer que a poupança vai render 3,15% ao ano. E já começa a ser um problema porque esse rendimento deve ser menor que a inflação”, disse.
“Vamos passar aqui no Brasil pelo que aconteceu nos Estados Unidos e na Europa. Nessas economias, os juros eram altos. As pessoas aplicavam em renda fixa. Havia investimentos garantidos e altos. Só que as taxas de juros foram caindo e aí reverteu a situação - a maioria dos americanos e europeus atualmente aplica na bolsa de valores. Vamos ter esse cenário no Brasil - quem quer maior rentabilidade vai ter que assumir risco”, disse.
Oliveira aconselha a quem optar por investir em ações e não tiver conhecimento do mercado financeiro a buscar os fundos de ações. “Há duas formas de aplicar na bolsa. Uma delas é aplicar diretamente em ações de uma empresa. Esse tipo de escolha só deve ser feito por pessoas com mais conhecimento. Para os iniciantes, a melhor alternativa é entrar em fundos de ações. Porque no fundo tem um gestor que conhece o melhor papel para comprar e ele vai diluir a carteira para minimizar os riscos. Vai escolher diversos tipos de empresas, como financeiras, bancos, varejo, de energia”, disse.
Caso não queira correr riscos ou tenha a intenção de fazer reserva de emergência, a recomendação é analisar as taxas de administração dos fundos de renda fixa. Para Oliveira, com a Selic cada vez menor, a tendência é que as instituições financeiras reduzam as taxas de administração para atrair mais clientes. Outra opção é analisar os títulos do Tesouro Direto, como o Tesouro Selic. Os investidores podem analisar também outras opções de investimento disponíveis no mercado.
Os investimentos em fundos e no Tesouro Direito têm cobrança de Imposto de Renda, além de taxas de administração, que devem ser analisadas por quem decide investir.

Reflexos na economia

Oliveira destaca que os menores rendimentos da poupança podem trazer consequências não somente para o bolso dos poupadores, mas também para a economia do país. “Como deixar o dinheiro na poupança não vai nem manter o poder de compra, isso pode fazer com que as pessoas parem de poupar e destinem dinheiro para consumo”, disse.
Outro fator é a redução de recursos para o financiamento habitacional. Atualmente, 65% dos recursos de poupança são destinados aos financiamentos habitacionais.

A.Brasil

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Lava Jato: PF faz operação no Rio contra lavagem de dinheiro



Policiais federais cumprem hoje (19) 19 mandados de prisão e 18 de busca e apreensão em três estados brasileiros, em uma nova fase da Operação Lava Jato. A ação visa desarticular uma organização criminosa vinculada ao doleiro Dario Messer e tem, entre seus alvos, o ex-presidente do Paraguai Horácio Cartes, que governou o país vizinho de 2013 a 2018.
A operação é chamada de Patron, ou seja, “patrão” em português, uma referência ao apelido dado por Messer ao ex-presidente paraguaio.
De acordo com a Polícia Federal, as investigações identificaram 20 milhões de dólares que teriam sido ocultados por Dario Messer, dos quais 17 milhões foram colocados em um banco do arquipélago caribenho das Bahamas e o restante dividido entre doleiros, casas de câmbio, políticos e empresários do Paraguai.
Ainda segundo a PF, Cartes seria a pessoa de maior confiança de Messer no Paraguai e teria ajudado o doleiro a fugir de autoridades brasileiras e paraguaias.
Messer, por sua vez, teve sua prisão decretada em maio de 2018 pela 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro na Operação Câmbio, Desligo. Depois de ficar foragido por mais de um ano, ele foi preso em julho deste ano, acusado de lavagem de dinheiro, evasão de divisas e participação em organização criminosa.
Os alvos que residem no Paraguai e nos Estados Unidos foram incluídos na lista vermelha da Interpol, a polícia internacional.


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Flamengo poupou, mas venceu e poderá ganhar dois títulos no mesmo fim de semana



Jorge Jesus não tornou hábito colocar times muito modificados no Campeonato Brasileiro, mesmo disputando a Libertadores em paralelo. No entanto, a uma semana da final contra o River Plate, e com vantagem tão larga na ponta da tabela, apenas Arrascaeta, Gabigol e o goleiro Diego Alves foram titulares do Flamengo contra o Grêmio, em Porto Alegre. E, mesmo com o time reserva, o líder venceu e agora poderá ser campeão duas vezes no mesmo fim de semana porque o Palmeiras ficou apenas no empate por 1 a 1 com o Bahia.
Não houve muitas emoções, embora Paulo Víctor tenha feito uma linda defesa para barrar Gabigol antes do lance que decidiu o placar. Gabriel cruzou, e a bola bateu no braço de apoio de Leo Moura, que tentava bloquear de carrinho. Na atual interpretação da regra, não deveria ser pênalti – lance parecido com o de Thiago Silva na final da Copa América. O árbitro Raphael Claus, porém, confirmou a decisão, e Gabigol marcou 1 a 0.
No segundo tempo, o artilheiro do Flamengo quase fez o segundo, alguns minutos antes de ser expulso por reclamação. Com um a mais durante aproximadamente 20 minutos, os gaúchos não conseguiram o empate, apesar de amplo domínio no segundo tempo, com 78% de posse de bola e 15 finalizações. Mas apenas duas foram em direção a Diego Alves.
Enquanto isso, em Salvador, o Bahia levou mais perigo que o Palmeiras no primeiro tempo e abriu o placar, no final da etapa, com uma cobrança de falta de Artur Caíke. Os visitantes melhoraram depois do intervalo, com a entrada de Borja no lugar de Deyverson. O colombiano conseguiu o empate com um chute forte, após passe de Zé Rafael, e o Palmeiras teve um par de oportunidades na reta final do jogo para virar.
Não conseguiu, porém, e a combinação de resultados permite ao Flamengo ser campeão sem sequer entrar em campo, um dia depois da final da Libertadores. Com cinco jogos pela frente, o Palmeiras pode chegar no máximo a 83 pontos. Caso sequer empate com o Grêmio no domingo, seu limite seria 81 pontos, mesma pontuação que o Flamengo tem no momento. Com vantagem no número de vitórias, o título seria rubro-negro.


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Em carta de suicídio, garota denuncia estupro por parte dos pais e casal é preso


Érica, de 19 anos, sofria abusos desde os 15. Ela chegou a contar sobre o crime para a mãe, que nada fez

Casal foi preso pelo crime de estupro após a filha cometer suicídio - 

A Polícia Civil do Maranhão prendeu um casal na cidade de Governador Newton Bello, no interior do estado, após a filha deles cometer suicídio. Érica Neves, de 19 anos, afirmou em carta de despedida que o motivo para tirar a própria vida foi o constante abuso sexual sofrido por ela dentro de casa.
Nos relatos, Érica afirmava que sofria abusos sexuais desde os 15 anos de idade. Ela disse, ainda, que tinha contado para a mãe sobre o crime, mas que a mulher não fez nada.
Após a denúncia, a polícia começou a investigar o caso e apreendeu os telefones de Érica, da mãe dela, Rosinete Lima Neves, de 40 anos, e do pai, Edmar Cavalcante Neves, de 46 anos. A troca de mensagens foi comprovada por perícia e o mandado de prisão dos dois foi executado.
Os dois foram presos pelo crime de estupro e foram encaminhados para presídios, onde aguardarão julgamento.


Fonte: Jornal ODia

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Secretaria de Saúde promove segunda etapa de campanha de vacinação contra sarampo



A Secretaria de Estado de Saúde (SES) promove, em parceria com o Ministério da Saúde, a segunda etapa da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo, a partir desta segunda-feira (18/11). O foco serão os jovens adultos entre 20 e 29 anos. A primeira fase da campanha aconteceu no mês passado e foi direcionada a crianças entre 6 meses de idade e 4 anos. O Estado do Rio de Janeiro registrou 117 casos de sarampo em 2019. 

Os objetivos da campanha são ampliar a cobertura vacinal e atualizar a caderneta de vacinação, garantindo que esse grupo esteja com a imunização em dia. No dia 30, último dia da fase da campanha, acontece o Dia D, quando a Subsecretaria de Vigilância em Saúde (SVS) da SES recomenda que as secretarias municipais disponibilizem a abertura de postos de vacinação para esse público-alvo.

O esquema vacinal contra o sarampo está previsto no Calendário Nacional de Imunização e é oferecido durante todo o ano na rede pública de saúde para as faixas etárias recomendadas.

- A vacinação é forma mais eficaz de prevenção contra o sarampo. É fundamental se vacinar para se proteger dessa doença que tem alto índice de contágio e evitarmos o avanço pelo estado - explica o secretário de Saúde, Edmar Santos.

Os casos neste ano foram notificados em Angra dos Reis (1), Belford Roxo (6), Cabo Frio (1), Casemiro de Abreu (1), Duque de Caxias (36), Itaguaí (1), Magé (1), Nilópolis (2), Niterói (2), Nova Iguaçu (9), Paraty (12), Resende (1), Rio das Ostras (2), Rio de Janeiro (31), São João de Meriti (10) e Saquarema (1).

A SVS esclarece que orientou os municípios acima sobre ações de bloqueio preconizadas pelo Ministério da Saúde e que, para o Rio de Janeiro e Duque de Caxias, cidades com maior número de casos, emitiu alertas de atenção para possíveis novas notificações e para investigações em tempo ágil. Além disso, equipes da SVS estão em interlocução com os coordenadores municipais de piores índices de cobertura vacinal, com previsão de visitas in loco da área técnica estadual.

Sintomas

Os principais sintomas do sarampo são mal-estar geral, febre, tosse, coriza e manchas brancas na mucosa oral. A doença também provoca conjuntivite e se caracteriza por apresentar manchas vermelhas que aparecem no rosto e se espalham por todo o corpo. O sarampo é uma doença que passa com facilidade de uma pessoa para outra por meio da fala, tosse e espirro.

Contraindicações

Pessoas com suspeita de sarampo, gestantes, crianças com menos de 6 meses e imunocomprometidos não devem receber a vacina. Pessoas com alergia à proteína lactoalbumina, presente no leite de vaca, devem informar ao profissional de saúde no posto de vacinação para que recebam a dose feita sem esse componente.


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Feriadão deixou um morto e 64 feridos em rodovias federais do Rio



As rodovias federais que cortam o estado do Rio de Janeiro tiveram 57 acidentes nos quatro dias de operação especial do feriado de Proclamação da República. Uma pessoa morreu e 64 ficaram feridas, de acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF).
Nos quatro dias de operação especial no ano passado, foram registrados 53 acidentes, com 52 feridos e cinco mortos.
No feriadão deste ano, foram feitos 4.624 autos de infração nas rodovias federais, entre as quais 720 por ultrapassagem proibida e 587 por passageiro ou motorista sem cinto, de acordo com a PRF.


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

sexta-feira, 15 de novembro de 2019

Chuva no ES deixa quase 500 pessoas fora de casa em 10 cidades


Segundo a Defesa Civil, 249 estão desalojados e 240 desabrigados. Os desabamentos já deixaram um morto e seis feridos no estado.



A chuva no Espírito Santo já deixa 489 pessoas fora de casa, segundo a Defesa Civil, na manhã desta sexta-feira (15). Há registro de desabrigados ou desalojados em Viana, Santa Leopoldina, Domingos Martins, Cariacica, Vitória, Vila Velha, Alegre, João Neiva, Piúma e Marechal Floriano.

Ao todo, são 249 desalojados (pessoas que foram para casa de parentes ou amigos) e 240 desabrigados (que estão em abrigos do poder público).

No estado, três municípios decretaram situação de emergência: Viana, Cariacica e Alegre. Os desabamentos causados pela chuva já deixam um morto e seis feridos no estado.

A chuva forte começou no estado no final da tarde da segunda-feira (11). O temporal na região Sul do estado durou menos de 30 minutos, mas foi suficiente para causar estragos em Alegre. Na quarta-feira (13), a chuva se intensificou em outras regiões do estado.

Viana

Viana é o município com mais pessoas fora de casa por conta dos alagamentos. São 81 desalojados e 153 desabrigados, que estão no Centro Municipal de Ensino Infantil (CMEI) Professora Biluca, em Viana Sede.

O Rio Formate transbordou, derrubou a ponte que liga os bairros Operário e Industrial e praticamente cobriu os carros. Voluntários tentaram resgatar moradores e crianças, mas a força da água era tão forte que invadiu casas, estragou móveis e deixou muito prejuízo.



Santa Leopoldina

Em Santa Leopoldina, 92 pessoas estão fora de casa. Na cidade, um deslizamento matou pai e deixou mãe e filho feridos nesta quinta-feira (14).

Os desabrigados estão em duas escolas do município: na Escola Estadual Alice Holzmeister (4 pessoas) e na Escola Municipal Milton Cortelet (78 pessoas).
Nesta sexta-feira (15), deslizamentos de terra e árvores caídas puderam ser vistas em toda a parte.



Vila Velha

A água começou a baixar nas ruas de Vila Velha, mas em Cobilândia ainda há pontos de alagamento. Imagens feitas por um drone na manhã desta sexta-feira mostram bastante água na pista, mesmo sem chuva.
No município, 33 pessoas estão desalojadas. Há vários pontos de alagamento, mas a situação está mais crítica nos bairros do entorno do Rio Marinho.




Desalojados e desabrigados no ES
Município
Desalojados
Desabrigados
Viana
81
153
Santa Leopoldina
7
85
Domingos Martins
32
2
Vila Velha
33
0
Vitória
25
0
Cariacica
28
0
Alegre
16
0
Marechal Floriano
15
0
Piúma
8
0
João Neiva
4
0

Fonte: Defesa Civil


G1

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Mãe mata filho porque ele não quis limpar a casa de madrugada


O delegado Dannilo Proto contou que a mulher acordou o filho por volta das 4h30 


Uma mulher foi presa suspeita de matar o próprio filho de 6 anos enforcado em Santa Helena de Goiás (GO). De acordo com informações da polícia, a mulher teria acordado o menino de madrugada para limpar a casa, mas ele não quis.  

O delegado Dannilo Proto contou que a mulher acordou o filho por volta das 4h30, que se recusou a limpar a casa. “Ela então deu duas cintadas nele, que correu para o quintal. Em seguida, ela o executou”, completou. 

A suspeita foi presa nessa quinta-feira (14/11/2019) e contou à polícia que agiu em um “estado de fúria”. Segundo o delegado, ela confessou o crime sem demonstrar arrependimento. “Ela confessou a execução do próprio filho durante a madrugada e na parte da manhã ligou para nós avisando”. 

A polícia informou ainda que a mulher está envolvida na morte de outro filho. Na ocasião, ela alegou que dormiu em cima da criança.

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Estado paga salários de outubro para os servidores nesta quinta-feira (14/11)





O Governo do Estado do Rio de Janeiro, por meio da Secretaria de Estado de Fazenda, vai quitar nesta quinta-feira (14/11) – décimo dia útil, conforme prevê o calendário oficial – os salários de outubro para 466.657 servidores ativos, inativos e pensionistas.

O valor líquido da folha de outubro é de R$ 1,8 bilhão. Os pagamentos serão efetuados ao longo do dia, mesmo após o término do expediente bancário.

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Flamengo e Vasco empatam em jogaço de 8 gols no Maracanã


Líder do Brasileiro abre 11 pontos de vantagem para Palmeiras

Flamengo e Vasco empataram em 4 a 4 em um grande partida disputada na noite desta quarta (13) no estádio do Maracanã. No jogo (antecipado da 34ª rodada do Campeonato Brasileiro) o atacante Ribamar acabou sendo um dos destaques ao marcar o gol do empate já nos acréscimos da partida.
Com este resultado o Flamengo permanece na liderança da competição, abrindo 11 pontos de vantagem em relação ao vice-líder Palmeiras (que tem um jogo a menos), e alcança uma sequência de 20 partidas de invencibilidade nesta edição do Brasileiro.

O jogo

O time rubro-negro começou a partida em um ritmo frenético. Com isso, com menos de 1 minuto de jogo o líder do Brasileiro abriu o marcador. Logo após a saída de bola, Reinier arranca sozinho até a área do Vasco. O jovem atacante toca para o meio da área, a bola ainda bate em Gabigol, mas ela sobra para Éverton Ribeiro chegar chutando para abrir o marcador com 37 segundos de confronto.
Após a pressão inicial, o Vasco consegue igualar as ações, aproveitando espaços dados pelo Flamengo para criar oportunidades em perigosos contra-ataques.
E aos 33 minutos o time de São Januário consegue empatar justamente em um lance de contra-ataque, Rossi avança, cruza para a área, onde Raul escora de cabeça para Marrony bater de primeira.
Não demora muito e o Vasco alcança a virada. Aos 35 o lateral Yago Pikachu é derrubado dentro da área pelo zagueiro Rodrigo Caio dentro da área após linda jogada individual. O próprio Pikachu vai para a cobrança e desloca o goleiro Diego Alves para marcar.
Mas o Flamengo conseguiu o empate em 2 a 2 momentos antes do intervalo. Após falta sofrida pelo meia Gerson na intermediária do campo do Vasco, Gabigol opta por tocar para Rafinha ao invés de cobrar direto para o gol. O lateral avança e chuta cruzado. A bola bate na perna de Danilo Barcelos e engana o goleiro Fernando Miguel.
Apesar da maior posse de bola do time da Gávea (65%) o jogo é muito parelho até o intervalo, com 5 chances de gol para cada lado até então.

2 gols de Bruno Henrique

A etapa final começa com a mesma tônica, Flamengo pressionando e Vasco aguardando oportunidades de contra-atacar. E aos 6 minutos o time de São Januário volta a ficar novamente na frente após Rossi tabelar com Pikachu e cruzar com perfeição para Marcos Júnior escorar para o fundo do gol.
Porém, aos 19 minutos é o Flamengo que aproveita um contra-ataque para deixar tudo igual novamente. Bruno Henrique recebe na intermediária, parte em velocidade, tabela com Arrascaeta e finaliza com perfeição para fazer 3 a 3. Um jogaço no Maracanã.
E o camisa 27 volta a brilhar aos 34 do segundo tempo. Vitinho faz boa jogada pela direita, cruza para a área, onde Gabigol escora para Bruno Henrique finalizar de primeira para alcançar seu 18º gol nesta edição do Brasileiro.
Mas o Vasco não se deixa abater, e aos 47 minutos da etapa final Ribamar consegue marcar o gol do empate após bola levantada na área desviada por Henríquez. 4 a 4 placar final.

A.Brasil

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Compartilhe

CURTA A NOSSA PÁGINA