quinta-feira, 31 de dezembro de 2020

Feliz 2021 - Supermercados Fluminense


 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Teresópolis conquista recursos para até 10 leitos de UTI neonatal SUS

 Acesso às vagas será definido pela Central de Regulação do Estado 


“Essa é uma conquista histórica para a população e que vai atender uma antiga demanda do município”, comemora o Prefeito Vinicius Claussen, ao anunciar a assinatura nesta segunda-feira, 28/12, do Termo de Credenciamento nº 021/2020, que destina R$ 8.467.577,52 a Teresópolis, recursos suficientes para a abertura de até 10 leitos de UTI Neonatal SUS na Maternidade do Hospital das Clínicas de Teresópolis Costantino Ottaviano (HCTCO). 

O documento foi assinado pela Secretaria de Estado de Saúde e a Fundação Educacional Serra dos Órgãos (FESO), mantenedora do hospital, para assistência médica multiprofissional ininterrupta, com equipamentos específicos próprios e equipe especializada. O acesso dos pacientes aos leitos será definido pela Central Estadual de Regulação. 

Desde a inauguração da nova maternidade e UTI Neonatal particular do HCTCO, em março de 2019, o Prefeito vinha pleiteando vagas desse importante serviço de suporte vital junto ao Governo do Estado, a fim de atender aos bebês que necessitam desse tipo de cuidado especial e cujas mães não têm acesso ao atendimento prestado pela rede privada de saúde. “Na época, firmamos parceria com a FESO para que 2 leitos de sua UTI Neonatal fossem destinados ao Sistema Único de Saúde. E agora, encerramos 2020 com chave de ouro, com o credenciamento inédito do HCTCO e a abertura de até 10 vagas SUS”, avalia Vinicius Claussen. 






Ascom/Fotos: UNIFESO

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

2021 vai ter três feriados nacionais prolongados

 Carnaval deve ser em meados do ano em algumas cidades 


Em meio a uma pandemia e expectativa da chegada de vacinas, o ano de 2021 terá três feriados prolongados nacionais, sem considerar os feriados estaduais e municipais e festejos como carnaval e Corpus Christi, que são pontos facultativos – e não feriados - em diversas cidades. Feriados prolongados são os que caem às segundas ou sextas-feiras, podendo ser emendados com os fins de semana.

O primeiro feriado nacional prolongado já acontece nesta sexta-feira, 1º de janeiro, dia da Confraternização Universal e celebração do ano novo. 

Já em fevereiro haverá o carnaval, que não é feriado em todo o Brasil. Apenas algumas cidades o adotam como feriado; outras o consideram ponto facultativo. Em 2021, a tradicional celebração carnavalesca é dúvida em muitos locais do país. 

Em algumas cidades, como São Paulo, ele não será celebrado em fevereiro. Para evitar a formação de aglomerações em meio à pandemia do novo coronavírus, o prefeito Bruno Covas determinou que o carnaval terá nova data em 2021 e será celebrado em meados do ano. 

Além do dia 1º de janeiro, também são considerados feriados nacionais, estabelecidos na lei federal 10.607/2002, os dias 21 de abril (Tiradentes), 1º de maio (Dia do Trabalho), 7 de setembro (Independência do Brasil), 2 de novembro (Finados), 15 de novembro (Proclamação da República) e 25 de dezembro (Natal). Dois destes feriados vão cair em fins de semana em 2021. 

Na Câmara dos Deputados tramitam dois projetos de lei (PL) que, caso aprovados, podem trazer mudanças ao calendário de feriados. Um deles, o projeto de lei 1.222/20, do deputado Alexandre Frota (PSDB-SP), quer transformar o carnaval em feriado nacional. 

O outro, o PL 5.129/20, do deputado Luiz Antonio Teixeira Jr (PP-RJ), pretende decretar ponto facultativo no dia 3 de julho (um sábado) e transformar em feriado nacional os dias 5 e 6 de julho de 2021. O objetivo, segundo o deputado, é estimular os setores ligados ao turismo, ajudando a gerar empregos. 

Veja os feriados nacionais prolongados de 2021 
 

janeiro

1º - Ano Novo

sexta-feira

fevereiro

16 - Carnaval

terça-feira

março

-

-

abril

2 - Paixão de Cristo
4 - Páscoa
21 - Tiradentes

sexta-feira
domingo
quarta-feira

maio

1º - Dia Mundial do Trabalho

sábado

junho

3 - Corpus Christi

quinta-feira

julho

-

-

agosto

-

-

setembro

7 - Independência do Brasil

terça-feira

outubro

12 - Dia de Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil

terça-feira

novembro

2 - finados
15 - Proclamação da República
20 - Dia da Consciência Negra

terça-feira
segunda-feira
sábado

dezembro

25 - Natal

sábado

 


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

WhatsApp: aparelhos com mais de sete anos não conseguirão rodar o app a partir do ano que vem

 

                                                                                        Foto: Thomas White/Reuters


O Facebook anunciou na terça-feira (29) que não dará mais suporte para o WhatsApp em celulares lançados há mais de sete anos em 2021. A mudança valerá para aparelhos com sistemas Android e iOS.

A falta de suporte ao aplicativo fará com que ele deixe de realizar algumas funções gradativamente. A previsão para que ele pare completamente de funcionar é o dia 1º de fevereiro do ano que vem. 

A justificativa dada pelo Facebook, que comprou o WhatsApp em 2014, é que sistemas mais antigos são mais vulneráveis a ataques, ou seja, se torna mais difícil garantir segurança para os usuários. 

O Whatsapp é o aplicativo mais baixado no Brasil e principal meio de comunicação entre os brasileiros, segundo levantamentos da ESPM (Escola Superior de Propaganda e Marketing), relatório Estado do Mundo Móvel 2020 e Croma Insights. 

Os aparelhos Android em que o aplicativo vai deixar de funcionar no próximo ano são: Samsung Galaxy S2, Motorola Droid Razr, LG Optimus Black e HTC Desire. Já de iOS serão: iPhone 5s, iPhone 5c, iPhone 5 e iPhone 4s — além de todos os outros iPhones anteriores. 

Usuários do WhatsApp Web também serão impactados. A previsão da empresa é que pare de funcionar no dia 9 de março para o navegador Edge Legacy e no dia 17 de agosto para o Internet Explorer, que roda em Windows.

CNN

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

quarta-feira, 30 de dezembro de 2020

Pádua registra 25 casos confirmados de Covid -19 em 24 horas; veja o boletim

 




COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Salário mínimo será R$ 1.100 a partir de 1º de janeiro

 Valor representa reajuste de 5,26% em relação ao valor atual



O presidente Jair Bolsonaro anunciou hoje (30), em redes sociais, a assinatura de uma medida provisória (MP) que elevará o salário mínimo para R$ 1.100, com vigência a partir de 1º de janeiro. O valor atual é de R$ 1.045.

“O valor de R$ 1.100,00 se refere ao salário mínimo nacional. O valor é aplicável a todos os trabalhadores, do setor público e privado, e também para as aposentadorias e pensões”, afirmou o presidente.

Em meados de dezembro, o Congresso havia aprovado a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2021, fixando o salário-mínimo em R$ 1.088. Na proposta aprovada pelos parlamentares, não houve aumento real no salário, tendo sido feita apenas a correção com base na previsão da inflação acumulada no ano, de acordo com o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC).

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Ano Novo na BR-116/RJ tem início nesta quinta-feira

Obras com interferência no tráfego serão suspensas durante feriado



A Concessionária Rio-Teresópolis (CRT) dá início, nesta quinta-feira 31, ao esquema especial de plantão para o Ano Novo na BR-116/RJ (Rodovia Santos Dumont), o qual será mantido até a noite de domingo (03/01). Durante este período, espera-se a passagem de uma média de 165 mil veículos pela via. As obras em andamento com interferência no tráfego serão suspensas nestes dias. 

A concessionária, nos dias e horários de maior movimento, manterá papa-filas na praça principal de pedágio Engenheiro Pierre Berman (Bongaba) para agilizar a passagem de veículos e ficarão de prontidão nos 142,5 quilômetros da Rodovia Santos Dumont seis (6) guinchos, sendo três (3) leves e três (3) pesados, cinco (5) viaturas de inspeção, sendo quatro (4) com capacidade de reboque (veículos leves), quatro (4) carros resgates e uma (1) UTI móvel. 

A CRT disponibiliza a seus usuários os números 0800-0210278 e 0800-0210279 (deficientes auditivos e de fala) para atendimentos de emergência, solicitação de serviço ou apoio, reclamações e informações com ligações gratuitas. Cinco painéis de mensagens variáveis são utilizados também para orientação dos motoristas. No Centro de Atendimento aos Usuários (CAU), em Bongaba (km-133,5) e na BOP (Base Operacional) em Águas Quentes (km-41) podem ser usados telefones e sanitários. 

PEDÁGIO - A tarifa para carros de passeio na praça principal em Bongaba (km-133,5) é de R$ 19,30 e R$ 13,50 nas auxiliares de Santo Aleixo (km-114) e Santa Guilhermina (km-122). Veículos pesados têm o valor da tarifa multiplicado pelo número de eixos em utilização. Motocicletas pagam R$ 9,65 na praça principal e R$ 6,75, nas auxiliares. 



Ascom CRT









COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Pirapetinga ultrapassa 900 casos confirmados de Covid-19

 



O pequeno município de Pirapetinga, região da Zona da Mata Mineira, confirmou 923 casos confirmados do novo vírus o coronavírus. Os dados são da Secretaria Estadual de Saúde do estado de Minas Gerais (SES), já que a prefeitura de Pirapetinga não atualiza os dados desde o último dia (7) de dezembro. 

Segundo o informativo do governo estadual a cidade possui 923 casos confirmados, sendo que 492 casos já estão recuperados. O município registrou até o momento 7 óbitos em decorrência da doença. 

O número de casos confirmados impacta, já que a cidade possui apenas 10.772 habitantes segundo o IBGE. Seguindo essa linha em pouco tempo 10% da população vai ser contaminada. 

O governo federal ainda não definiu quando o país vai começar a imunização, apesar ter contrato com a vacina da AstraZeneca e da Universidade de Oxford (produção pela Fundação Oswaldo Cruz).

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

terça-feira, 29 de dezembro de 2020

Presidente Bolsonaro prorroga pagamento de auxílio ao setor cultural

 


O presidente Jair Bolsonaro editou hoje (29) medida provisória (MP) que prorroga o prazo da utilização do auxílio emergencial da Lei Aldir Blanc para 2021. A MP autoriza o pagamento do benefício com os recursos já aprovados em 2020 e destinados ao cumprimento da lei, mas que ainda não tenham sido utilizados.

“[...] a MP, além de não representar aumento dos gastos públicos, busca conferir maior segurança ao trabalhador e à trabalhadora da cultura e maior efetividade à Lei Aldir Blanc, assegurando a continuidade das ações emergenciais, a manutenção do apoio aos beneficiários e a efetividade do socorro ao setor cultural”, afirmou a Presidência da República, em nota. 

A Lei Aldir Blanc, originada da MP 986/2020 e promulgada pelo Congresso em agosto, prevê o repasse de R$ 3 bilhões de recursos federais para ações emergenciais do setor cultural em estados e municípios. 

A aplicação dos recursos está limitada aos valores liberados pelo governo federal. Caso prefeitos e governadores queiram aumentar o valor dos benefícios repassados, deverão fazer a complementação com recursos próprios. 

A Lei nº 14.017/2020, que instituiu o auxílio financeiro, foi chamada de Lei Aldir Blanc em homenagem ao escritor e compositor de 73 anos que morreu após contrair covid-19, em maio, no Rio de Janeiro. O texto da lei prevê o pagamento de três parcelas de um auxílio emergencial de R$ 600 mensais para os trabalhadores da área cultural. 

Está previsto ainda o pagamento de subsídio para manutenção de espaços artísticos e culturais, microempresas e pequenas empresas culturais, cooperativas e organizações comunitárias. Esse subsídio mensal terá valor entre R$ 3 mil e R$ 10 mil, de acordo com critérios estabelecidos pelos gestores locais. 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Quarta Maluca - Supermercados Fluminense


 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Carlos Cunha faz visita surpresa a hospital para checar denúncias; veja o vídeo

 


Após o resultado das eleições 2020, o vereador eleito Carlos Cunha (PTB) não parou. Além de ter ido a campo para ver os estragos das chuvas e trazer uma possível solução na semana passada, agora o futuro edil foi ver diretamente a realidade do Hospital situado no município de Santo Antônio de Pádua.

Hoje (29) pela manhã Cunha chegou ao hospital e conversou com os funcionários que relataram a falta de pagamento. Segundo os funcionários, não há previsão de receber o pagamento, além disso a folha de ponto, documento feito para registrar a frequência e os horários dos funcionários durante o seu dia de trabalho, não foi entregue.

Carlos lamentou a situação e orientou aos funcionários a juntar todos os documentos para uma possível ação judicial. O futuro vereador se comprometeu em ajudar a sanar os problemas.



*O espaço está aberto para manifestação da Prefeitura de Santo Antônio de Pádua.

Marco Sameiro

 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Boletim Covid-19 Pádua/RJ




 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Governo publica edital de concessão da Cedae e garante saneamento para 13 milhões de pessoas

 


O Governo do Estado do Rio de Janeiro trabalha com a data de 30 de abril de 2021 para realizar o leilão de concessão da Cedae. O edital de concessão da empresa foi publicado nesta terça-feira (29/12), no Diário Oficial, e os interessados terão até 120 dias para apresentar suas propostas. O critério de licitação será o de maior outorga, cujo valor mínimo é de R$ 10,6 bilhões. A previsão é de que os contratos com as concessionárias sejam assinados até o fim do 1º semestre de 2021. 

Como a Cedae será dividida em quatro blocos, uma empresa ou consórcio pode levar mais de um bloco, desde que fique comprovado, por meio de habilitação técnica, a capacidade de garantir os investimentos para a universalização do saneamento. Todas as informações sobre o processo de concessão podem ser conferidas no site www.concessaosaneamento.rj.gov.br.  

O edital conta com a participação de 35 cidades no processo de concessão, que prevê a universalização do saneamento básico para 13 milhões de pessoas em 12 anos, com o investimento de R$ 25 bilhões só neste período. No tempo total da concessão, que é de 35 anos, serão investidos R$ 30 bilhões e gerados 46 mil empregos diretos e indiretos. Além disso, serão investidos R$ 57 bilhões em manutenção e operação do sistema, o que inclui pagamento de salários, compras de materiais e equipamentos, recolhimento de impostos e energia, por exemplo. 

Blocos de concessão dos serviços da Cedae 

Bloco 1 

Zona Sul do Rio de Janeiro + São Gonçalo, Aperibé, Miracema, Cambuci, Cachoeiras de Macacu, Cantagalo, Casimiro de Abreu, Cordeiro, Duas Barras, Magé, Maricá, Itaocara, Itaboraí, Rio Bonito, São Sebastião do Alto, Saquarema, São Francisco de Itabapoana e Tanguá. 

Bloco 2 

Rio de Janeiro (Barra e Jacarepaguá), Miguel Pereira e Paty do Alferes. 

Bloco 3 

Rio de Janeiro (Zona Oeste), Piraí, Rio Claro, Itaguaí, Paracambi, Seropédica e Pinheiral. 

Bloco 4 

Rio de Janeiro (Centro e Zona Norte), Belford Roxo, Duque de Caxias, Japeri, Mesquita, Nilópolis, Nova Iguaçu, Queimados e São João de Meriti. 

- A concessão prevê que em 19 municípios da Região Metropolitana a distribuição de água e tratamento de esgoto passam a ser de responsabilidade da iniciativa privada por um período de 35 anos, enquanto a captação e o tratamento de água ficam com a Cedae, que continuará existindo para este fim, com expectativa de receita de R$ 2 bilhões. 

- Em 16 municípios do interior, além dos serviços de distribuição de água e tratamento de esgoto, a captação e o tratamento de água também passarão a ser de responsabilidade da iniciativa privada pelos mesmos 35 anos. 

Alguns investimentos 

- As comunidades não atendidas pelo serviço público de saneamento são um dos principais focos. Os concessionários terão obrigação de investir pelo menos R$ 1,8 bilhão em regiões mais carentes do Rio de Janeiro. 

- O meio ambiente também sairá ganhando, com investimentos em projetos para a Baía de Guanabara, Rio Guandu e complexo lagunar da Barra da Tijuca. 

- Na Baía de Guanabara serão aplicados R$ 2,6 bilhões, nos cinco primeiros anos, para atacar as causas da poluição. 

- No Rio Guandu serão aplicados R$ 2,9 bilhões nos cinco primeiros anos. 

- No Complexo Lagunar da Barra da Tijuca serão aplicados R$ 250 milhões. 



COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Netflix vai retirar 61 títulos da grade em janeiro de 2021

 


Em janeiro de 2021 a Netflix excluirá 61 títulos de seu catálogo, incluindo séries como “Gossip Girl”, “Um Maluco no Pedaço” e “Friends”, além de vários filmes como “O Grande Gatsby”, “Senna: O Brasileiro.O Herói. O Campeão” e “De Volta Para o Futuro”. Confira a lista abaixo e aproveite os últimos dias para curtir algumas das produções: 

1 de Janeiro 

A Escolha Perfeita
A Hora do Rush 2
A lista de Schindler
À prova de fogo
American Pie – O Livro do Amor
American Pie: Caindo em tentação
American Pie: O último stifler virgem
American Pie: Tocando a Maior Zona
Anaconda 2 – A Caçada pela Orquídea Sangrenta
As Apimentadas: Entrar para Ganhar!
As Aventuras de Paddington 2
Atividade Paranormal: Marcados pelo Mal
Bad Boys 2
Billy Madison – Um Herdeiro Bobalhão
Burlesque
Como Mudar o Mundo
De Volta para o Futuro
Drácula – A História Nunca Contada
Drugs, Inc. (10 eps.)
Elizabeth [1998]
Era uma vez no Oeste
Eu queria ter a sua vida
Friends
Gatinhas e gatões
Gossip Girl (122 eps.)
Gran Hotel (66 eps.)
Irmãos Gêmeos
K-9 – Um policial bom pra cachorro
Kevin Hart: Laugh at My Pain
Kevin Hart: Seriously Funny
Ligeiramente Grávidos
Mac & Devin Go to High School
Maddman: The Steve Madden Story
Nunca Mais
O Amor Não Tira Férias
O Barco – Inferno no Mar
O crime do Padre Amaro
O Grande Gatsby
Os Batutinhas
Patch Adams, o Amor é Contagioso
Peep Show (42 eps.)
Pregando o Amor
Preparados para o fim (9 eps.)
Reincarnated
Senna: O Brasileiro. O Herói. O Campeão.
Separados pelo Casamento
Shameless (66 eps.)
Shopkins: Clube de Culinária
Sombras da Vida
Strange Empire (13 eps.)]
Super Dark Times
The Inbetweeners (18 eps.)
The Principal (4 eps.)
The Rehearsal
The West (8 eps.)Transformers – A Vingança dos Derrotados
Transformers – O Lado Oculto da Lua
Um Maluco no Pedaço
Vingança sem Limites 

2 de Janeiro 

O Último Vice-Rei
The Jack King Affair 

5 de Janeiro 

Broken Vows 

6 de Janeiro 

Rustom

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

De saída, Honda pode se tornar embaixador do Botafogo

 



Apesar da decisão de pedir para sair a dois meses de terminar o contrato, o japonês Keisuke Honda quer manter uma certa ligação com o Botafogo. A informação é do GE. 

Essa nova fase de parceria ainda não está formatada, mas existe a chance de Honda se tornar uma espécie de embaixador do Botafogo na Ásia, levando a marca do clube para o continente. 

Além disso, Honda tem a intenção de distribuir planos de sócio-torcedor aos torcedores do Botafogo e ter projetos próprios no Brasil. 

Insatisfeito com questões internas, lesionado e com proposta da Europa, Honda também acredita que vai ajudar aliviando um pouco a folha salarial do Botafogo nos dois próximos meses, apesar do valor pago ao japonês não influenciar muito nos gastos mensais do clube. 


Com: FogãoNet e GE

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

segunda-feira, 28 de dezembro de 2020

Boletim Covid-19 Bom Jesus do Itabapoana

 






COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Secretaria de Estado de Agricultura oferece crédito a produtores de uva

 Com a chegada das festas de fim de ano a busca pela fruta aumenta em todo o estado 




Fruta comum na mesa dos brasileiros, especialmente nas festas de fim de ano, a uva recebe tratamento especial da Secretaria de Estado de Agricultura. Para incentivar a produção da fruta, a secretaria oferece aos produtores o programa Frutificar, um dos segmentos do Agrofundo, que disponibiliza linha de crédito com juros baixos. Anualmente a fruta vem apresentando aumento da produção e, em 2020, foram cultivadas mais de 90 toneladas de uva. 

- A cultura de uvas no nosso estado vem ganhando cada vez mais espaço na zona rural e a secretaria vem trabalhando para buscar novas alternativas para aumentar a rentabilidade dos produtores, através da disponibilização de linhas de crédito via Agrofundo, além de dar apoio técnico para garantir a excelência na qualidade do produto. - ressaltou o secretário de Agricultura, Marcelo Queiroz. 

Para o técnico responsável do programa Frutificar, Denilson Caetano, as expectativas de aumento de venda nesta época do ano são altas. 

- Passamos por um período delicado com a pandemia e agora por ser um momento festivo há uma grande procura pelo produto com preços melhores. Vale ressaltar que com os recursos do programa, os produtores tiveram a complementação da renda, pagaram dívidas e alguns ampliaram e investiram em suas lavouras - afirmou. 

O aumento da produção da uva e a rentabilidade que a fruta traz são comemorados por produtores. É o caso do produtor Leandro Souza Crespo, de Campos dos Goytacazes. Ele entrou no programa Frutificar no ano passado e hoje cuida de 200 pés de uva. 

- O investimento do Frutificar ajudou bastante na minha produção. Estamos na primeira colheita e com a ajuda do programa consegui obter bons retornos. Também tivemos o total apoio dos técnicos responsáveis. É muito gratificante ter esse retorno - disse. 

Benefícios da uva 

A uva é fonte de vitaminas A, C e K. A fruta apresenta teores significativos de fibra alimentar, que auxiliam na promoção da saciedade e no bom funcionamento do trânsito intestinal. 

- Podemos destacar diversas propriedades como a capacidade antioxidante e os efeitos cardioprotetor e anti-inflamatório, presentes principalmente na casca. Além de ser rica em ácido elágico, a fruta tem um composto que é relacionado com a redução do risco de câncer no intestino e no esôfago. Também reduz o estresse oxidativo e previne doenças cardiovasculares, além de outras doenças crônicas – explicou a nutricionista da Secretaria de Agricultura, Tatiana Novo. 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Boletim Covid-19 Pádua/RJ





 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Prefeito de Trajano assina decreto mais rígido para conter avanço da Covid-19

 


A programação de fim de ano continua suspensa em Trajano de Moraes, é o que confirma o novo Decreto 117/2020 assinado pelo prefeito Rodrigo Viana. A iniciativa foi tomada após o aumento de casos na cidade – o que torna agora muito mais rígida as ações e prorroga as medidas de isolamento social, por conta do coronavírus. Todos os eventos privados de frequência franqueada ao público em geral, gratuitos ou não, estão proibidos até o dia 4 de janeiro de 2021. 

“Vale dizer que esse é um momento em que temos que continuar pensando no próximo. Como gestor público, é meu papel zelar pela vida de todo cidadão trajanense. Essas medidas adotadas no decreto tendem somente a cuidar de cada um. A Covid-19 está e os casos aumentaram em nossa cidade. Relembro que fomos à última cidade no Estado a ter registro de casos e o óbito, por conta de um trabalho em conjunto”, disse o prefeito. 

A proibição prevista no decreto não afeta reuniões e comemorações entre amigos próximos e familiares, no interior das residências. “O crescente número de casos de contaminação confirmada em Trajano de Moraes, com registro, inclusive, de um óbito por decorrência do vírus, fez-se a necessidade de adoção de medidas mais drásticas para combater as chances de propagação do vírus. Pelas famílias que continuem usando a máscara e álcool gel como forma de prevenção”, solicitou Rodrigo Viana. 

O decreto proíbe ainda a comercialização e a utilização de quaisquer espécies de fogos de artifício até 4 de janeiro de 2021. “Presume-se a frequência franqueada ao público e, portanto, sujeito a interdição imediata, a presença de mais de 10 (dez) pessoas no local de realização do evento sem comprovação de vínculo familiar direto com o responsável por sua realização. Essas ações são necessárias e elas tendem a ser imediatas. O órgão responsável pela fiscalização tem o aval diante o decreto para que medidas sejam tomadas”, frisou o prefeito. 

Até o dia 27, o município confirmou 346 casos. Esses registros estão divididos, ou seja, 34 casos em Maria Mendonça, 16 em Monte Café, 12 em Lagoinha, 135 em Trajano de Moraes, 75 em Visconde de Imbé, 27 em Barra dos Passos, 13 em Sodrelândia, 4 em Serra das Almas e 30  na localidade de Tapera. O município registra atualmente 2.799 casos descartados, 2 internações hospitalar e 2 óbitos. Estão em isolamento de quarentena 205 casos, 40 casos com Covid-19 confirmados e 306 casos recuperados segundo o Boletim Oficial emitido pela Coordenação de Vigilância e Saúde.

 

 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Vacina de Oxford terá efeito similar à da Pfizer e Moderna

 

                                           Tubos de ensaio com a vacina sendo desenvolvida pela AstraZeneca /Foto: Dado Ruvic               



Em entrevista ao jornal britânico Sunday Times, o CEO da farmacêutica AstraZeneca. Pascal Soriot, anunciou que o imunizante candidato desenvolvido pela companhia em parceria com a Universidade de Oxford (Reino Unido) terá uma eficácia similar aos imunizantes da Pfizer/BioNTech e da Moderna, que atingiram um patamar de 95% de proteção contra a Covid-19. A agência reguladora britânica deve aprovar a fórmula da empresa na próxima semana, e espera-se que comece a ser aplicada no país no dia 4 de janeiro. 

Sem dar maiores detalhes sobre a dosagem a ser adotada, Soriot garantiu que as informações serão publicadas em um estudo. Segundo o governo do Reino Unido, os dados completos já foram apresentados à Autoridade Reguladora de Medicamentos e Produtos de Saúde (MHRA, na sigla em inglês). 

O imunizante é testado no Brasil e é, até o momento, a única fórmula adquirida pelo governo federal. Ao todo, 100 milhões de doses já foram encomendadas e há previsão de transferência de tecnologia para a produção nacional por meio da Fiocruz. 

— Cremos que encontramos a fórmula vencedora e descobrimos como atingir uma eficácia que, a partir de duas doses, será alta como as demais (vacinas) — disse o diretor-geral ao Sunday Times, sublinhando que seu imunizante também protegerá contra 100% das formas graves de Covid-19. 

Em novembro, a apresentação dos dados parciais da última fase ensaios clínicos da AstraZeneca foi alvo de críticas. Um erro na dosagem durante os testes conduzidos no Reino Unido fez com que uma parcela dos voluntários recebesse apenas metade da dose prevista na primeira inoculação. Inesperadamente, a empresa concluiu que a eficácia deste grupo se mostrou mais alta (90%) do que naqueles que receberam duas doses completas (62%), o que intrigou a comunidade científica. 

Além disso, a AstraZeneca também foi questionada por divulgar os números através de um comunicado no lugar de um estudo publicado em um periódico científico com revisão de pares, como de praxe. A confusão levantou especulações de que a empresa buscou reagir aos anúncios das concorrentes Pfizer e Moderna, que ganharam manchetes à época com uma eficácia muito acima do esperado. Diante da reação de parte da comunidade científica, a companhia britânica havia anunciado que faria estudos adicionais para definir a dosagem correta. 

Eficácia contra mutação 

Pascal Soriot disse acreditar que a vacina da AstraZeneca será eficaz contra a mutação B.1.1.7 do novo coronavírus, uma variante possivelmente mais infecciosa que recentemente se espalhou pelo Reino Unido e levou mais de 50 países a restringir o trânsito de pessoas que estiveram em solo britânico recentemente. 

— No entanto, não podemos garantir isso. Faremos alguns testes — afirmou o diretor-geral da AstraZeneca, que não descartou novas versões da vacina adaptadas para mutações. 

A vacina da AstraZeneca/Universidade de Oxford custa menos do que as principais fórmulas em desenvolvimento ou aprovadas emergencialmente. Sua eventual aprovação pelo Reino Unido poderá abrir portas para a autorizações de uso extraordinárias, como no Brasil, o que representaria uma boa notícia para países em desenvolvimento. 

Suas doses podem ser mantida em refrigeradores comuns, ao contrário do imunizante da Pfizer/BioNTech, que precisa ser mantido a -75°C, o que exige uma logística desafiadora até mesmo para nações desenvolvidas, como o próprio Reino Unido, que começou a imunizar a população no início do mês. 



Extra


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Departamento Estadual de Trânsito retoma serviços de emplacamento no RJ

 




O Detran.RJ retoma nesta segunda-feira (28/12) os serviços de emplacamento em todo o estado do Rio de Janeiro. As atividades estavam suspensas, desde o último dia 7, para regularização do contrato com a empresa prestadora do serviço. O agendamento para tirar a primeira licença pode ser feito pelo site www.detran.rj.gov.br ou pelos telefones 3460-4040, 3460-4041 e 3460-4042. Foram disponibilizadas três mil vagas para executar o serviço nesta segunda-feira. 


Os usuários que estavam agendados e não puderam realizar os serviços durante a paralisação poderão retornar ao mesmo posto em até dez dias úteis após a retomada das atividades, sem necessidade de reagendamento. 


- Quando nossa gestão chegou ao Detran, em outubro, fomos rever contratos de diversas áreas. O emplacamento foi um deles, já que a prestadora vinha executando os serviços sem ter um contrato assinado com o órgão. Então, tivemos que suspender. Agora, tudo foi regularizado, assinado e, por isso, conseguimos retomar este serviço tão importante - explica o presidente do Detran.RJ, Adolfo Konder. 


O Detran.RJ esclarece que, por causa da pandemia, já há uma resolução adiando o prazo para retirar a primeira licença. Quem comprou veículo entre 19 de fevereiro e 30 de novembro tem até o dia 31 de janeiro de 2021 para regularizar a situação. 


As demais atividades de emplacamento retomadas são: troca de jurisdição, transferência de propriedade com troca de município, troca de município, troca de placa e mudança para placa Mercosul.

 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Segunda - Supermercados Fluminense


 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

domingo, 27 de dezembro de 2020

Carlos Cunha, vereador eleito em Pádua inicia os trabalhos antes da posse

 



O vereador eleito do município de Santo Antônio de Pádua, Carlos Cunha já iniciou os trabalhos antes da posse na Câmara Municipal. O edil deixou o seu número de telefone à disposição da população, após o temporal que caiu na noite do último dia 25.



Cunha percorreu a cidade para ver os pontos alagados e traçar uma possível solução para os problemas. Nas redes sociais é possível observar os diversos trabalhos que o futuro vereador tem realizado ao longo dos anos.




Tradição

No dia 25 de dezembro, Carlos Cunha distribuiu presentes para as crianças carentes da cidade de Pádua, trazendo esperanças para os pequenos. Vale lembrar que esse projeto já virou tradição para Carlos e sua equipe, pois mesmo antes de pensar em ser candidato, o jovem já realizava esse trabalho social na comunidade.



Marco Sameiro
Fotos: Arquivo Pessoal/Carlos Cunha


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Corinthians vence Botafogo no Nílton Santos

 


Neste domingo (27) no Rio de Janeiro, o Corinthians derrotou o Botafogo por 2 a 0 no Nílton Santos. Esta foi a primeira vez na história na qual o Timão superou o Glorioso no estádio.

Após o jogo válido pela 27ª rodada do Campeonato Brasileiro, o time carioca ficou na penúltima posição da classificação com 23 pontos, enquanto o Corinthians alcançou 38 pontos e se manteve vivo na luta por uma vaga para a próxima edição da Taça Libertadores da América. 

O jogo 

Os anfitriões começaram a partida tentando surpreender com uma jogada ensaiada logo após o apito inicial do árbitro Heber Roberto Lopes (SC), mas o chute cruzado de Warley foi para fora. O duelo mostrava-se equilibrado, mas o Timão era mais perigoso pela direita, aproveitando o improviso do zagueiro Forster como lateral esquerdo e o posicionamento de Victor Luís como ponta. Aos 33, Gustavo Mosquito cruza e o equatoriano Cazares cabeceia sem chances para vencer o goleiro Diego Cavalieri. 

Na etapa final, Barroca coloca Babi e o marfinense Kalou nos lugares de Victor Luís e Warley. Apesar das mudanças, a equipe do treinador Vagner Mancini segue mais organizada e obriga Cavalieri a fazer boas defesas. Já nos acréscimos, pela terceira vez seguida, Mateus Vital invade a grande área pela esquerda e, com chute rasteiro entre os zagueiros alvinegros, amplia o marcador para os visitantes, quebrando um tabu de não vencer nos domínios alvinegros que já durava oito partidas. 

Próximos compromissos 

As duas equipes só voltam a campo em 2021. Novamente, no Estádio Nilton Santos, no dia 6 de janeiro, o Botafogo recebe o Athletico-PR. Já o Corinthians entra em campo apenas no dia 13, quando pega o Fluminense na Arena Neo Química, em São Paulo. 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

sábado, 26 de dezembro de 2020

Encarte Ano novo - Supermercados Fluminense



 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Prefeito de Magé, Rafael Tubarão, despeja caminhão de lixo na porta do Inea; veja o vídeo

 

Foto: Reprodução/Redes Sociais

O Instituto Estadual do Meio Ambiente vai registrar boletim de ocorrência sobre o despejo de lixo na sede da unidade, no Centro do Rio, realizado prefeito de Magé, Rafael Turbarão. Isso porque o político fez um vídeo despejando um caminhão de lixo na porta do INEA em protesto a interdição do aterro sanitário da cidade. 

De acordo com o órgão, foi constatado crime ambiental no lixão e, ainda, que a equipe encontrou diversos fluxos de escoamento de chorume diretamente para o solo, além de uma ampla área de resíduos expostos e disposição em área não impermeabilizada. 




No vídeo, o prefeito Rafael Tubarão afirma que a cidade passou o natal sem coleta, e reclamou que não tem onde descartar o lixo. 

Em nota, o INEA afirma que em 2019 foi emitida uma licença de operação e desde então o órgão ambiental realiza vistorias constantes. Ainda segundo o órgão, no período, a prefeitura de Magé já foi diversas vezes notificada e autuada por irregularidades operacionais. 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Chuva forte coloca cidades do Noroeste em estágio de atenção; veja

Divulgação/Prefeitura de Itaperuna


Um temporal atingiu a região Noroeste na noite de sexta-feira de Natal, e provocou uma série de transtornos. Imagens viralizaram nas redes sociais.

Em Laje do Muriaé, o rio que corta a cidade chegou no nível de 5 metros e fez a prefeitura declarar alerta máximo, já que em outros municípios que estão acima do leito também tiveram fortes chuvas.



Já em Santo Antônio de Pádua o volume de água foi muito intenso ocasionando em um espaço curto de tempo diversas ruas alagadas, imagem de um leitor chegou em nossa redação mostrando a rua do centro completamente alagada.



Em Itaperuna a prefeitura informou que a equipe de monitoramento do Sistema Municipal de Proteção e Defesa Civil está gerenciando no estágio de atenção a situação do Rio Muriaé, cujo curso d’água registrou em medição às 23h15min dessa sexta-feira, 25 de dezembro de 2020, o nível de 3,85 metros (o status de atenção é decretado quando as cotas situam-se entre 2,90m e 3,89m). Segundo a SEMDEC a previsão de precipitação (quantidade de chuva) no setor da Bacia Hidrográfica do Rio Muriaé, à montante de Itaperuna, para as próximas 24 horas é relativamente alta, variando entre 22 mm e 45 mm (Miraí, Muriaé, Patrocínio do Muriaé e Laje do Muriaé), razão pela qual o nível verificado na calha poderá sofrer acréscimos nas próximas horas, o que acarretaria na elevação do estágio para o nível de ALERTA (Cotas entre 3,90m e 4,19m).



COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Aneel institui a bandeira amarela para as contas de luz em janeiro de 2021

 




A Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) anunciou que a bandeira tarifária, atualmente vermelha, para janeiro de 2021 será amarela, ou seja, as contas de luz ficarão mais baratas no primeiro mês do ano que vem, ao custo de R$ 1,343 a cada 100kwh. 

Hoje, com a bandeira vermelha vigente, correspondente à maior tarifa extra praticada pelo órgão regulador, o custo da conta de luz fica mais caro em R$ 6,243 para cada 100 quilowatts-hora consumidos. Ou seja, os lares brasileiros que utilizam, em média, 200 kWh de energia por mês terão que desembolsar cerca de R$ 12,50 a mais para quitar a conta de luz de dezembro, se mantiverem o mesmo consumo habitual. 

Isso porque estão previstas chuvas nas regiões dos principais reservatórios de água que contribuem para a geração de energia do SIN (Sistema Interligado Nacional). 

"A previsão hidrológica para janeiro do ano que vem sinaliza elevação das vazões afluentes aos principais reservatórios do SIN, cenário que levou ao incremento no patamar da produção hidrelétrica, com a consequente redução nos custos relacionados ao risco hidrológico (GSF), e no preço da energia (PLD) em relação ao mês passado", afirmou a Aneel em comunicado. 

O PLD e o GSF são as duas variáveis determinantes para a cor da bandeira a ser acionada.​ 

O sistema de bandeiras tarifárias sinaliza o custo real da energia gerada. As cores verde, amarela ou vermelha (nos patamares 1 e 2) indicam se a energia custará mais ou menos em função das condições de geração. O objetivo é induzir o consumidor a fazer uso da energia elétrica de forma mais consciente, evitando desperdícios. 

R7

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

sexta-feira, 25 de dezembro de 2020

Sacola Cheia - Supermercados Fluminense



COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Feliz Natal - Supermercados Fluminense


 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Decreto define regras para que estados e municípios se adaptem ao setor de saneamento básico

 Texto define repasses a governos locais para apoiar licitações

 


Cinco meses após a sanção do novo Marco Legal do Saneamento Básico, o presidente Jair Bolsonaro editou hoje (24) decreto para regulamentar os repasses a governos locais para apoiar licitações. 

O decreto define as regras para que a União envie recursos e ofereça apoio técnico para que estados e municípios se adaptem às novas regras do setor de saneamento. O texto também estabelece uma série de atividades a serem executadas pelo governo federal para facilitar a transição dos governos locais ao novo modelo. 

O novo Marco Legal do Saneamento Básico torna regra a realização de licitações para contratação de companhias de água e esgoto. Pelo novo modelo, a iniciativa privada passará a disputar as concorrências em igualdade de condições com as estatais locais. 

Como no Brasil, a responsabilidade pelo saneamento cabe aos municípios ou a consórcios de municípios, o novo modelo prevê que a União forneça apoio técnico e financeiro aos governos locais para a formulação dos processos de licitação. 

Segundo o decreto, os governos locais precisam cumprir critérios para receber a ajuda técnica e os repasses da União, como a obediência a normas da Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) e o comprometimento com a regionalização do serviço de saneamento.

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Compartilhe

CURTA A NOSSA PÁGINA