Mostrando postagens com marcador esporte. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador esporte. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 20 de novembro de 2019

Flamengo está disposto a pagar R$ 73 mi por destaque do Furacão


O meia Bruno Guimarães, do Athletico-PR, pode ser o novo reforço rubro-negro para a temporada 2020

Flamengo já começou a planejar a sua temporada 2020. De acordo com informações do jornal O Globo, a equipe carioca estaria interessada na contratação do meia Bruno Guimarães, do Athletico-PR.
O jogador de 22 anos tem preferência de compra para o futebol europeu, mercado para o qual tem uma multa rescisória de 30 milhões de euros. Para o Brasil, o valor é menor: 16 milhões de euros (algo em torno de R$ 73 milhões), quantia que o rubro-negro está disposto a desembolsar.
Bruno Guimarães é um dos principais destaques do Athletico-PR na temporada, ajudando a equipe nas conquistas da Sul-Americana, no ano passado, e da Copa do Brasil, neste ano. Carioca, ele foi revelado pelo Audax e chegou ao Furacão em 2017.


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

segunda-feira, 18 de novembro de 2019

Flamengo poupou, mas venceu e poderá ganhar dois títulos no mesmo fim de semana



Jorge Jesus não tornou hábito colocar times muito modificados no Campeonato Brasileiro, mesmo disputando a Libertadores em paralelo. No entanto, a uma semana da final contra o River Plate, e com vantagem tão larga na ponta da tabela, apenas Arrascaeta, Gabigol e o goleiro Diego Alves foram titulares do Flamengo contra o Grêmio, em Porto Alegre. E, mesmo com o time reserva, o líder venceu e agora poderá ser campeão duas vezes no mesmo fim de semana porque o Palmeiras ficou apenas no empate por 1 a 1 com o Bahia.
Não houve muitas emoções, embora Paulo Víctor tenha feito uma linda defesa para barrar Gabigol antes do lance que decidiu o placar. Gabriel cruzou, e a bola bateu no braço de apoio de Leo Moura, que tentava bloquear de carrinho. Na atual interpretação da regra, não deveria ser pênalti – lance parecido com o de Thiago Silva na final da Copa América. O árbitro Raphael Claus, porém, confirmou a decisão, e Gabigol marcou 1 a 0.
No segundo tempo, o artilheiro do Flamengo quase fez o segundo, alguns minutos antes de ser expulso por reclamação. Com um a mais durante aproximadamente 20 minutos, os gaúchos não conseguiram o empate, apesar de amplo domínio no segundo tempo, com 78% de posse de bola e 15 finalizações. Mas apenas duas foram em direção a Diego Alves.
Enquanto isso, em Salvador, o Bahia levou mais perigo que o Palmeiras no primeiro tempo e abriu o placar, no final da etapa, com uma cobrança de falta de Artur Caíke. Os visitantes melhoraram depois do intervalo, com a entrada de Borja no lugar de Deyverson. O colombiano conseguiu o empate com um chute forte, após passe de Zé Rafael, e o Palmeiras teve um par de oportunidades na reta final do jogo para virar.
Não conseguiu, porém, e a combinação de resultados permite ao Flamengo ser campeão sem sequer entrar em campo, um dia depois da final da Libertadores. Com cinco jogos pela frente, o Palmeiras pode chegar no máximo a 83 pontos. Caso sequer empate com o Grêmio no domingo, seu limite seria 81 pontos, mesma pontuação que o Flamengo tem no momento. Com vantagem no número de vitórias, o título seria rubro-negro.


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

quinta-feira, 14 de novembro de 2019

Flamengo e Vasco empatam em jogaço de 8 gols no Maracanã


Líder do Brasileiro abre 11 pontos de vantagem para Palmeiras

Flamengo e Vasco empataram em 4 a 4 em um grande partida disputada na noite desta quarta (13) no estádio do Maracanã. No jogo (antecipado da 34ª rodada do Campeonato Brasileiro) o atacante Ribamar acabou sendo um dos destaques ao marcar o gol do empate já nos acréscimos da partida.
Com este resultado o Flamengo permanece na liderança da competição, abrindo 11 pontos de vantagem em relação ao vice-líder Palmeiras (que tem um jogo a menos), e alcança uma sequência de 20 partidas de invencibilidade nesta edição do Brasileiro.

O jogo

O time rubro-negro começou a partida em um ritmo frenético. Com isso, com menos de 1 minuto de jogo o líder do Brasileiro abriu o marcador. Logo após a saída de bola, Reinier arranca sozinho até a área do Vasco. O jovem atacante toca para o meio da área, a bola ainda bate em Gabigol, mas ela sobra para Éverton Ribeiro chegar chutando para abrir o marcador com 37 segundos de confronto.
Após a pressão inicial, o Vasco consegue igualar as ações, aproveitando espaços dados pelo Flamengo para criar oportunidades em perigosos contra-ataques.
E aos 33 minutos o time de São Januário consegue empatar justamente em um lance de contra-ataque, Rossi avança, cruza para a área, onde Raul escora de cabeça para Marrony bater de primeira.
Não demora muito e o Vasco alcança a virada. Aos 35 o lateral Yago Pikachu é derrubado dentro da área pelo zagueiro Rodrigo Caio dentro da área após linda jogada individual. O próprio Pikachu vai para a cobrança e desloca o goleiro Diego Alves para marcar.
Mas o Flamengo conseguiu o empate em 2 a 2 momentos antes do intervalo. Após falta sofrida pelo meia Gerson na intermediária do campo do Vasco, Gabigol opta por tocar para Rafinha ao invés de cobrar direto para o gol. O lateral avança e chuta cruzado. A bola bate na perna de Danilo Barcelos e engana o goleiro Fernando Miguel.
Apesar da maior posse de bola do time da Gávea (65%) o jogo é muito parelho até o intervalo, com 5 chances de gol para cada lado até então.

2 gols de Bruno Henrique

A etapa final começa com a mesma tônica, Flamengo pressionando e Vasco aguardando oportunidades de contra-atacar. E aos 6 minutos o time de São Januário volta a ficar novamente na frente após Rossi tabelar com Pikachu e cruzar com perfeição para Marcos Júnior escorar para o fundo do gol.
Porém, aos 19 minutos é o Flamengo que aproveita um contra-ataque para deixar tudo igual novamente. Bruno Henrique recebe na intermediária, parte em velocidade, tabela com Arrascaeta e finaliza com perfeição para fazer 3 a 3. Um jogaço no Maracanã.
E o camisa 27 volta a brilhar aos 34 do segundo tempo. Vitinho faz boa jogada pela direita, cruza para a área, onde Gabigol escora para Bruno Henrique finalizar de primeira para alcançar seu 18º gol nesta edição do Brasileiro.
Mas o Vasco não se deixa abater, e aos 47 minutos da etapa final Ribamar consegue marcar o gol do empate após bola levantada na área desviada por Henríquez. 4 a 4 placar final.

A.Brasil

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

segunda-feira, 11 de novembro de 2019

Vasco atropela o CSA em Maceió e praticamente se livra do rebaixamento


Gigante da Colina agora terá pela frente o clássico contra Flamengo


Valente e muito organizado, o Vasco foi ao Estádio Rei Pelé, em Alagoas, e não tomou conhecimento do frágil CSA: goleada por 3 a 0 e praticamente assegurada a sua permanência na Série A para a temporada de 2020. Raul, Oswaldo Henríquez e Carlinhos, contra, marcaram os gols do Gigante da Colina, que na próxima quarta-feira, no Maracanã, terá pela frente o clássico com o Flamengo, partida antecipada da 34ª rodada em função da final da Libertadores, dia 23, em Lima, no Peru.

Agora com 42 pontos e na 11ª colocação, o Vasco precisa de apenas mais dois pontos para eliminar matematicamente qualquer risco de queda.

Com os donos da casa afundados dentro do Z-4, o time do técnico Vanderlei Luxemburgo teve muita dificuldade para seguraras descidas dos alagoanos pelas duas laterais. No entanto, ao mesmo tempo, Rossi e Ribamar desperdiçaram duas boas oportunidades. O Gigante da Colina só não saiu logo em vantagem porque o goleiro João Carlos defendeu uma falta muito bem cobrada por Felipe Ferreira.

Mas, aos 25 minutos, o volante Raul começou a resolver a parada com um golaço em bela jogada individual. Daí em diante, com o CSA desesperado, o Vasco se comportou melhor. Na etapa complementar, Rossi e Richard pararam em duas excelentes defesas de João Carlos. Mas o goleiro não teve o que fazer aos 21, quando Oswaldo Henríquez, de cabeça, ampliou.

Atordoado, o CSA ainda deu aquela mãozinha ao time da Colina. Aos 35,Rossi cruzourasteiro, Raul tocou para o meio e, na tentativa de evitar o gol, o lateral-esquerdo Carlinhos marcou contra. Com a partida resolvida, a torcida do Vasco passou a gritar 'Olé!' e saudar ao técnico Vanderlei Luxemburgo.



ODia

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

segunda-feira, 4 de novembro de 2019

Flamengo goleia Corinthians e mantém vantagem na ponta do Brasileiro


Atacante Bruno Henrique é o destaque com 3 gols

O Flamengo derrotou o Corinthians por 4 a 1 neste domingo (3) no estádio do Maracanã em jogo válido pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. Com este resultado o líder da competição mantém a vantagem de 8 pontos em relação ao vice-líder Palmeiras.

O jogo

Mesmo jogando em casa, o Flamengo encontrava dificuldades diante de um Corinthians que se defendia muito bem no primeiro tempo. Assim, o primeiro gol saiu apenas aos 42 minutos de partida, quando o juiz marcou pênalti a favor da equipe carioca.
Bruno Henrique foi para a cobrança, o goleiro Cássio consegue defender parcialmente, mas o atacante aproveita o rebote para abrir o marcador aos 45 minutos.
Um minuto depois o Flamengo amplia para 2 a 0. O meia Gerson recupera a bola após saída do Corinthians e acerta passe milimétrico para Bruno Henrique, que bate de cobertura na saída de Cássio.

3 gols de Bruno Henrique

Com menos de um minuto do segundo tempo o camisa 27 do Flamengo chegou ao seu terceiro gol na partida. Ele recebe na ponta esquerda, avança em velocidade e bate colocado.
Mas o Corinthians não se deu por vencido e conseguiu descontar aos 6 minutos da etapa final. Mateus Vital recebe cruzamento de Pedrinho e marca de cabeça.
Contudo, o dia era do Flamengo. E o rubro-negro carioca ampliou com Vitinho aos 21 minutos. O camisa 11 recebeu na intermediária e acertou um chute muito forte de esquerda.
Com esta vitória o time carioca chega à marca de 17 jogos de invencibilidade nesta edição da competição.
 A.Brasil

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

quarta-feira, 30 de outubro de 2019

Governo Federal vai criar o Bolsa Atleta Escolar


Serão 5 mil bolsas a partir de 2020 para estudantes que participam  dos Jogos Escolares


O Governo Federal vai criar o Bolsa Atleta Escolar. O programa está sendo desenvolvido em parceria com o Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), para cinco mil meninos e meninas a partir dos 14 anos.
A informação foi dada pelo ministro da Cidadania, Osmar Terra, que integra a comitiva do presidente Jair Bolsonaro à China.
O ministro destacou que a bolsa será oferecida aos atletas estudantes que participarem dos Jogos Escolares. Esses atletas podem ser selecionados para  ganhar uma mesada para que mantenham a sua atividade, sejam estimulados a continuar na sua atividade.
As cinco mil bolsas do programa estão sendo programadas para 2020, bem como uma ampliação do Bolsa Atleta para que o Brasil seja capaz de se posicionar como uma potência esportiva, com grandes chances de disputar os primeiros lugares em todas as competições internacionais, inclusive nas Olimpíadas.


Com Rádio Nacional de Brasília

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

domingo, 27 de outubro de 2019

Vasco empata com o Ceará no Castelão pelo Campeonato Brasileiro

Jogadores comemoram com Rossi, que marcou um belo gol
(Foto: Rafael Ribeiro/Vasco)


O Vasco entrou em campo neste sábado (26/10) para encarar o Ceará, na Arena Castelão, e empatou em 1 a 1, pelo Campeonato Brasileiro. O gol do Cruzmaltino foi marcado pelo atacante Rossi, aos 18 minutos do primeiro tempo. O próximo compromisso do Gigante da Colina na competição será na quarta-feira (26/10), diante do Grêmio, às 21h30, em São Januário.

O JOGO

O Vasco começou com tudo. Logo no primeiro minuto, Fernando Miguel deu um chutão, Ribamar desviou e Rossi invadiu a área, batendo cruzado. Aos 4, Rossi cruzou da direita buscando Marrony, mas a zaga afastou. Aos 10, Rossi puxou pra direita e cruzou, a zaga afastou para escanteio. Aos 18, Richard pegou pela esquerda, cortou para o meio e cruzou. Rossi pegou de primeira e marcou: VASCO 1 a 0.

Aos 21, Rossi recebeu na entrada da área, limpou pra canhota e bateu na zaga. No escanteio, Castan subiu mais que a zaga e mandou muito perto do gol.  Com a vantagem no placar, Luxemburgo tirou Bruno Gomes, que estava pendurado, e promoveu o retorno de Raul ao time ainda antes do intervalo. Aos 47, Guarin levou até a linha de fundo e buscou Marrony na área, mas o atacante foi travado pela zaga.

A primeira boa chegada do time foi aos 6. Guarin cruzou na medida para Ribamar, que cabeceou pra fora. Aos 11, Guarin ganhou no corpo e avançou, arriscando da intermediária e mandando por cima do gol. Aos 17, o Cruzmaltino foi trocando passes desde o campo de defesa até Fellipe Bastos arriscar da entrada da área e mandar por cima. 

Aos 38, o árbitro ignorou impedimento do jogador do Ceará no lance do gol adversário: 1 a 1. Aos 47, Rossi puxou contra-ataque e tentou ligar em Ribamar, mas o goleiro se antecipou ao camisa 9. Aos 49, Raul recebeu na frente do goleiro, tentou o chute, mas foi travado. 



Ascom

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

segunda-feira, 21 de outubro de 2019

Gol relâmpago dá ao Flamengo a vitória no último Fla-Flu do ano


Bruno Henrique, de cabeça, anotou único gol da partida ainda aos três minutos do segundo tempo



Flamengo está ainda mais líder do Campeonato Brasileiro. No sexto e último Fla-Flu do ano, o time comandado por Jorge Jesus contou com um gol de Bruno Henrique no início da partida, e de Gerson, no segundo tempo, para bater o Fluminense por 2 x 0. Foi a 20ª vitória em 27 jogos do clube da Gávea nesta edição do Brasileirão. Com o empate do Palmeiras, o Rubro-Negro abriu nada menos que 10 pontos de vantagem para o Alviverde. Neste momento, o clube da Gávea tem 64 pontos, diante dos 54 do rival paulista.

A vitória rubro-negra começou a ser construída bem no início de jogo. Após cruzamento de Rodinei, Bruno Henrique, acostumado a deixar a marca em clássicos, escorou de cabeça para abrir o placar. Em vantagem, o Flamengo se lançou ao ataque. Aos 12, Gabigol invadiu a área e foi derrubado. Depois de consultar o VAR, o árbitro Anderson Daronco, que havia marcado apenas escanteio, manteve a marcação. O placar só não foi mais elástico porque o goleiro Muriel viveu noite inspirada e impediu os líderes do Brasileirão de terminarem o primeiro tempo vencendo por uma margem bem maior do que a vantagem mínima, que perdurou até o fim da etapa complementar graças às boas defesas do arqueiro do Fluminense.

Na volta do intervalo, o Flamengo continuou a blitz ofensiva, sufocando os adversários no campo de defesa. Mas Muriel se recusava a deixar o Rubro-Negro ampliar a vantagem. A pressão só surtiu efeito aos 20 minutos, quando Gerson recebeu passe do brasiliense Reinier, após grande jogada coletiva. O camisa 8 cortou para o meio da área e chutou, sem chances para Muriel.

Quase em comunhão com a torcida, o Flamengo apenas cadenciou o ritmo de jogo, aguardando o final da partida para comemorar mais um triunfo no Brasileirão. Agora, o time volta as atenções para a semifinal da Copa Libertadores, quando, nesta quarta-feira (23/10/2019), o time recebe o Grêmio, em duelo que definirá um dos finalistas da competição continental.

Pelo torneio doméstico, o Flamengo volta ao campo apenas no dia 27, quando recebe o CSA no Maracanã. O Fluminense, por sua vez, faz um duelo de seis pontos, no sábado (26/10/2019), também no Maracanã. O Tricolor das Laranjeiras recebe a Chapecoense, em duelo de times que lutam contra o rebaixamento à Série B.

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Vasco vence Botafogo em clássico carioca



No clássico carioca realizado no estádio de São Januário o Vasco derrotou o Botafogo por 2 a 1. O jogo desta quara (16) foi válido pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro.

A equipe da colina abriu o placar logo aos 7 minutos de jogo com o jovem Bruno Gomes. O volante chuta da entrada da área, a bola bate em João Paulo e engana o goleiro Diego Cavalieri.

O Vasco continuou melhor e conseguiu ampliar o placar 10 minutos depois novamente com um chute da entrada da área. Ribamar chuta muito bem e faz 2 a 0.

Mas aos 21 minutos o Botafogo conseguiu descontar. O lateral Marcinho cobra escanteio fechado e o zagueiro Marcelo Benevenuto escora para o fundo das redes.

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

Botafogo vence Goiás na abertura da 24ª rodada

Botafogo voltou a pontuar no Brasileirão
 (Foto: Vitor Silva/Botafogo)


Nos dois jogos que abriram a 24ª rodada do Campeonato Brasileiro nesta quarta (9) as duas equipes que jogavam em casa, Botafogo e CSA, conseguiram vitórias importantes.
Atuando no estádio do Engenhão, o Botafogo buscava uma vitória que lhe permitisse se afastar da parte baixa da classificação. E o time carioca alcançou este objetivo ao derrotar o Goiás por 3 a 1.

Vitória importante

Com a intenção clara de buscar a vitória o Botafogo pressionou o Goiás desde o início da partida. Com esta postura ofensiva, o time carioca conseguiu abrir o placar ainda no primeiro tempo. Aos 31 minutos o meia João Paulo cobra escanteio, Marcelo Benevenuto desvia de cabeça e o zagueiro Gabriel aproveita para escorar e vencer o goleiro Tadeu.
A tônica permaneceu a mesma no início do segundo tempo. E, de tanto pressionar, a equipe carioca conseguiu ampliar o marcador. Aos 19 minutos o zagueiro Rafael Vaz saiu jogando errado e Diego Souza ganhou a bola. O atacante chutou para defesa parcial do goleiro Tadeu. João Paulo aproveitou rebote e tocou de cabeça para fazer 2 a 0.
Mas aos 31 minutos o time da casa vacila, Yago Felipe cruza na área, Michael domina e chuta. Diego Cavalieri defende com os pés, mas a bola rebate em Marcelo Benevenuto, que acaba marcando contra.
Porém, o Botafogo não permite a reação do adversário. Aos 35 Cícero levanta a bola na área, Diego Souza toca de cabeça para Pimpão, que toca para o chileno Leo Valencia fazer 3 a 1.

Triunfo alagoano

No estádio Rei Pelé, em Alagoas, o CSA recebeu o Internacional. E o time alagoano venceu por 1 a 0, resultado que lhe tirou momentaneamente da zona do rebaixamento.
O time da casa conseguiu marcar o gol da vitória aos 20 minutos do segundo tempo, em cobrança de pênalti do meia argentino Jonatan Gomez.

A.Brasil

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

quinta-feira, 26 de setembro de 2019

Ganso e Oswaldo discutem no Fluminense: “Burro” e “vagabundo”. Veja o vídeo


A confusão ocorreu à beira do campo nesta quinta, logo após o meia ser substituído no duelo contra o Santos



Constantemente substituído por Oswaldo de Oliveira no Fluminense, o meia Paulo Henrique Ganso perdeu de vez a paciência com o treinador nesta quinta-feira (26/09/2019). Retirado de campo aos 17 minutos do segundo tempo no duelo contra o Santos – a partida estava 1 x 1 –, o camisa 10 se revoltou e trocou farpas com o técnico.


Na é imagem, é possível fazer a leitura labial no jogador que xinga o comandante de “burro”. Pessoas que estavam próximas à confusão relataram que Oswaldo retribuiu a ofensa com “E você é vagabundo”.

O Fluminense briga contra o rebaixamento no Campeonato Brasileiro e o técnico Oswaldo de Oliveira está ameaçado no cargo. Confirmado o empate contra o Santos, o time carioca chegou aos 19 pontos e deixou a zona de rebaixamento – possui a mesma pontuação do Cruzeiro, mas leva a melhor no número de vitórias. Já o Santos perdeu contato com os líderes: tem 38 pontos, em terceiro, 10 a menos que o líder Flamengo.

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

segunda-feira, 23 de setembro de 2019

Messi é eleito o melhor do ano pela Fifa. Confira os outros premiados


O Brasil esteve bem representado com o goleiro Alisson, escolhido o melhor da posição. Cristiano Ronaldo não compareceu à cerimônia 



Lionel Messi foi sagrado o Melhor Jogador do Mundo na premiação Fifa the Best, realizada na tarde desta segunda-feira (23/09/2019), no Teatro Scala de Milão, na Itália. O prêmio é um reconhecimento por mais uma temporada brilhante do representante da camisa 10 do Barcelona: foi o sexto troféu do argentino. 

“Eu sempre digo que o prêmio individual é secundário, o mais importante é o coletivo. Mas hoje é especial para mim, tive a oportunidade de estar ao lado da minha mulher e de dois dos meus três filhos. O Thiago já veio aqui, mas era muito pequeno, hoje vê-los ali não tem preço. São dois apaixonados por futebol, e estão adorando ver tantos jogadores aqui, não sabem se pedem autógrafos, estão tímidos”, comemorou Messi. 

Com o prêmio desta segunda-feira (23/09/2019), o atacante argentino se iguala a Rainha Marta como maior ganhador e deixa o rival Cristiano Ronaldo para trás, com cinco – o craque português não compareceu à cerimônia. 

O primeiro prêmio do dia, o Puskas, dado ao gol mais bonito da temporada, foi para o jovem húngaro Daniel Zsóri, do Debreceni. 



Depois, o alemão Jurgen Klopp subiu ao palco para receber o prêmio de Melhor Técnico do Ano. Klopp foi campeão europeu com o Liverpool na temporada passada e lutou até o fim contra o Manchester City pelo Campeonato Inglês. 

O Brasil esteve bem representado, sobretudo com o goleiro Alisson. O jogador do Liverpool foi eleito o melhor da posição na temporada e também marcou presença no time ideal do ano. 

Confira todos os premiados pela Fifa:

Prêmio Puskas (Gol Mais Bonito do Ano)
Daniel Zsóri, do Debreceni 

Melhor Técnico do Ano
Jurgen Klopp, do Liverpool 

Prêmio de fã
Silvia Grecco, torcedora palmeirense que narra no estádio os jogos do time para o filho Nikollas, que é cego 

Melhor goleira
Sari van Veenendaal, do Atlético de Madri 

Fair play
Marcelo Bielsa/Leeds United (o time do técnico inglês precisava vencer a partida contra o Aston Villa para chegar à 1ª divisão. Ao ver a equipe marcar um gol com um jogador adversário machucado, o treinador ordenou que seus comandados deixassem o rival empatar). 

Melhor goleiro
Alisson Becker, do Liverpool 

Melhor treinadora
Jill Ellis, dos Estados Unidos 

Melhor jogador
Messi, do Barcelona 

Melhor jogadora
Megan Rapinoe, dos Estados Unidos 

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

domingo, 22 de setembro de 2019

Goiás faz 3 a 0, se afasta da degola e afunda o Fluminense



Em duelo contra o rebaixamento, o Goiás venceu por 3 a 0 o Fluminense, neste domingo, no Serra Dourada, pelo Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, os goianos chegaram a 24 pontos e se afastaram da zona da degola. Já os tricolores, com 18, voltam para a zona de descenso.

O Fluminense teve mais posse de bola durante os 90 minutos, mas pouco produziu no ataque. Já o Goiás foi mais objetivo e abriu o placar no primeiro tempo, com Michael. Na etapa final, Rafael Vaz e Yago Felipe marcaram para os donos da casa e garantiram o triunfo esmeraldino.

Na próxima rodada, o Goiás vai até o Morumbi para enfrentar o São Paulo, nesta quarta-feira. No dia seguinte, o Fluminense vai receber o Santos, no Maracanã.

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

segunda-feira, 9 de setembro de 2019

Fluminense pode sair da zona do rebaixamento contra Palmeiras



O Fluminense treina para enfrentar o Palmeiras no CT da Barra Funda do São Paulo. O tricolor carioca encara o Verdão nesta terça-feira (10), em jogo atrasado da 16ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Flu vem de vitória fora de casa, por 1 a 0, contra o Fortaleza.
“Pode ser uma arrancada para a gente sair da zona do rebaixamento”, acredita João Pedro, autor do gol do triunfo carioca em pleno Castelão.
Para o jovem atacante, de apenas 17 anos, o time precisa aproveitar as muitas oportunidades de gol criadas nos jogos pela equipe do treinador Oswaldo de Oliveira. “Está faltando um pouco de capricho no último passe”, resume João Pedro, pregando mais calma e concentração na hora da finalização.
O Fluminense ocupa a 17ª colocação com 15 pontos. Caso supere o Palmeiras, empata com o Cruzeiro em número de pontos, mas sai da zona do rebaixamento, por ter uma vitória a mais que os mineiros.
Palmeiras e Fluminense jogam na terça-feira às 21h, na Arena Allianz Parque.
A.Brasil


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

domingo, 8 de setembro de 2019

Com apoio da torcida e gols de Diego Souza e Alex Santana, Botafogo vence e vai a 26 pontos

Foto: Vitor Silva / Botafogo


Com apoio da torcida, o Botafogo venceu o Atlético-MG por 2 a 1 neste domingo, no Estádio Nilton Santos, e chegou a 26 pontos no Campeonato Brasileiro! Os gols foram de Diego Souza e Alex Santana! 
O próximo adversário é o Ceará, sábado, às 21h, em Fortaleza.
O JOGO
Quem foi ao Estádio Nilton Santos viu um bom jogo. Marcado por muitas disputas, emoções, alternâncias e até VAR. No início o Atlético-MG apareceu bem e foi perigoso, com corte d Marcelo Benebenuto para trás, finalização de Cazares para fora e cabeçada de Ricardo Oliveira para grande defesa de Diego Cavalieri.
O Botafogo tentava sair no toque de bola e se aproximar da área, pecando no último passe. Levou perigo em cruzamentos de Luiz Fernando e de Fernando, além de cabeçada de Cícero por cima. Já aos 29 minutos, Marcinho arriscou de fora, a bola desviou e Wilson espalmou.
Aos 39, o jogo mudou. O Botafogo teve falta na entrada da área, Gilson cobrou e acertou a barreira. Só que, na verdade, Igor Rabello cortou com o braço. O zagueiro cometeu o pênalti e foi expulso pelo árbitro. Na cobrança, Diego Souza abriu o placar, aos 44! Botafogo 1 x 0 Atlético-MG!
Ainda no primeiro tempo, o Atlético ameaçou com Vinicius, mas Diego Cavalieri salvou o Botafogo.
Na etapa final, o Botafogo quase ampliou no início. Primeiro com Diego Souza, após ótimo passe de Marcinho, mas Wilson fez grande defesa. O goleiro voltou a aparecer para evitar conclusão de Luiz Fernando. Já João Paulo bateu colocado, para fora.
O Atlético esboçou pressão, chegou na bola parada, Cazares bateu falta para defesa dee Cavalieri e Leonardo Silva acertou a trave após escanteio.
Só que o Botafogo matou o jogo no contra-ataque! Leo Valencia dominou no meio e lançou para Alex Santana invadir e bater firme na saída de Wilson. Botafogo 2 x 0 Atlético-MG!
Com a vitória encaminhada, o Fogão desacelerou e passou a controlar o jogo. Teve sustos, como finalizações de Cazares, Patric, Elias e Chará. Até levou um gol de Di Santo aos 48, porém segurou o importante triunfo!


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

quinta-feira, 5 de setembro de 2019

Filho de Cafu morre jogando futebol em Barueri


Danilo tinha 29 anos e teve um infarto



Danilo, filho mais velho do ex-jogador Cafu, faleceu nesta quarta-feira (4) aos 29 anos após ter um infarto.

Ele passou mal enquanto jogava futebol na festa de aniversário da sua irmã na mansão de Cafu localizada no condomínio Alphaville, em Barueri (SP). Danilo foi atendido por um médico no local e no caminho do hospital teve uma parada cardíaca.

A informação foi confirmada pelo ex-atacante Paulo Sérgio, com quem Cafu jogou na seleção brasileira e na Roma, da Itália.



RedeTV

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

segunda-feira, 2 de setembro de 2019

Flamengo deseja a contratação do italiano Claudio Marchisio, diz jornal



O Flamengo não conseguiu contratar Mario Balotelli, mas está atrás de outro italiano. Após ver Gustavo Cuéllar ser negociado com o Al Hilal, da Arábia Saudita, o alvo da diretoria é Claudio Marchisio, ex-Juventus e Zenit, da Rússia. A informação é do jornalista italiano Nicolò Schira, do jornal “La Gazzetta dello Sport“.
— O Flamengo está interessado em Claudio Marchisio (ex-Juventus e Zenit) em substituição de Gustavo Cuéllar. Conversas em andamento — escreveu o jornalista em seu perfil no Twitter.
Marchisio tem no currículo diversas passagens pela seleção italiana, tendo disputado duas Copas do Mundo (2010 e 2014) e uma Olimpíada (2008). Com a camisa da Juventus, conquistou 14 títulos, sendo sete Campeonatos Italianos.
Em 2018, se transferiu para o Zenit, mas pouco atuou pela equipe russa. Atualmente está sem contrato e poderia acertar mesmo com a janela fechada.


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

sexta-feira, 30 de agosto de 2019

Após estreia com eliminação, Oswaldo fala em 'impor sua maneira' no Fluminense



Tricolor empatou em 1 a 1 com o Corinthians, no Maracanã 


Na estreia de Oswaldo de Oliveira no comando da equipe, o Fluminense foi eliminado nas quartas de final da Copa Sul-Americana ao empatar em 1 a 1 com o Corinthians, na noite desta quinta-fera, no Maracanã. E o treinador analisou a partida e o pode ser feito para melhorar a situação do time no Brasileiro, onde o Tricolor está na zona de rebaixamento. 

"Eu não faço previsão. Eu trabalho para melhorar. Vamos prosseguir nessa linha e nesse caminho. Eu vejo a capacidade do Fluminense como alta e vamos tentar prosseguir no equilíbrio. Vamos manter isso na defesa e melhorar na frente", disse Oswaldo em entrevista coletiva após a partida. 

Perguntado sobre a dificuldade de pegar um trabalho no meio da temporada, o treinador reforçou que, aos poucos, vai implementar o seu estilo de jogo.

"Sempre procurei fazer um denominador comum entre o trabalho anterior e as minhas ideias. Eu entendia que poderíamos decidir na bola parada, como tivemos oportunidade. Mas também se poderia dar sequência ao que se estava fazendo. Fluminense teve momentos brilhantes neste ano. Eu não poderia podar, dizendo ser o dono da verdade e o que era feito inútil. Gradativamente, vou impor a maneira que eu penso", disse o treinador, que também falou sobre o jogo e valorizou a atuação do Corinthians:

"Jogamos com adversário que explora muito o contragolpe. A gente precisava nos precaver, e eles fizeram um gol no que são fortes. A gente fez no que treinamos. Como não fizemos gol lá, a gente tinha de evitar aqui. Eles marcaram em contragolpe. Isso nos trouxe muita dificuldade. Eles jogaram com as armas deles e nós com as nossas." 

O Fluminense volta a campo na segunda-feira, pelo Campeonato Brasileiro, diante do Avaí, no Maracanã. 


ODia

COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

quinta-feira, 29 de agosto de 2019

Flamengo empata com Inter por 1 a 1 e está nas semifinais da Libertadores


Gabigol fez o gol do empate rubro-negro na partida


O Flamengo empatou em 1 a 1 com o Internacional no Beira Rio, em Porto Alegre, e garantiu vaga na semifinal da Conmebol Libertadores. A partida foi realizada na noite desta quarta-feira (28) e o gol rubro-negro foi marcado por Gabigol. Por ter vencido o confronto de ida por 2 a 0 no Maracanã, o empate foi o suficiente para assegurar o Mengão na próxima fase.

O jogo
O Flamengo começou a partida indo ao ataque. Antes de completar o primeiro minuto de jogo, Arrascaeta bateu colocado de canhota e Marcelo Lomba espalmou. Na sequência, com um minuto e quarenta, Cuellar encontrou Gabigol bem colocado e o atacante saiu frente a frente com o goleiro, que fez defesa difícil e mandou para escanteio. O jogo foi ficando mais truncado após os primeiros bons momentos do Mais Querido e o Internacional tentou uma marcação mais alta. O Rubro-Negro não se abalou e conseguiu trocar passes e ter mais posse de bola no setor ofensivo.

Aos 21, o capitão Everton Ribeiro recebeu passe de Rafinha e arriscou de fora da área. Porém, o chute acabou indo no meio do gol e o camisa 1 colorado fez a defesa. O Mengão continuou no ataque mesmo com a vantagem no placar agregado e, aos 23, foi a vez de Bruno Henrique mandar um chute forte no canto para outra interceptação do goleiro. Mantendo o melhor momento na partida, o Flamengo chegou bem mais uma vez, aos 36, em chute potente de Filipe Luís para defesa de Marcelo Lomba. A última oportunidade do Mais Querido na primeira etapa foi com Gabigol, após bom passe de Bruno Henrique. O camisa 9 chegou pelo lado esquerdo e mandou para fora.

Na segunda etapa, o Inter foi mais ofensivo. A equipe mandante precisava da vitória por três gols e chegou marcou o seu gol aos 16 minutos, em cabeçada de Rodrigo Lindoso após cobrança de falta lateral.  o técnico Jorge Jesus colocou Berrío na partida e logo no primeiro lance o colombiano fez boa jogada e a bola quase chega limpa para Gabigol. Não foi neste lance, mas, aos 39, Bruno Henrique avançou pelo lado esquerdo e a bola chegou nos pés do artilheiro do Mengão, que empurrou para o fundo da rede. O Mais Querido empatou o jogo com Gabigol e o empate permaneceu até o final. Com o empate no Beira Rio por 1 a 1 e a vitória no Maracanã por 2 a 0, o Rubro-Negro garantiu a vaga na semifinal da Conmebol Libertadores!

E agora?
O Mengão encara o Grêmio na semifinal da Conmebol Libertadores. A primeira partida será em Porto Alegre, no dia 2 de outubro, e o segundo confronto será no Maracanã, no dia 23 do mesmo mês. No próximo domingo (01), o Flamengo encara o Palmeiras no Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro.


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

domingo, 25 de agosto de 2019

Talles brilha e Vasco vence o São Paulo pelo Campeonato Brasileiro



O Vasco venceu o São Paulo por 2 a 0, neste domingo (25/8), em São Januário e chegou ao quarto triunfo consecutivo atuando no Caldeirão, que recebeu mais de 20 mil torcedores, pelo Campeonato Brasileiro. Os gols vascaínos foram marcados pelo atacante Talles e pelo volante Fellipe Bastos. 

O próximo compromisso do Gigante da Colina na competição será diante do Cruzeiro, no próximo domingo (1/9), às 19h, no Mineirão.
O JOGO

O Vasco começou com tudo. Logo no primeiro minuto, Talles quase abriu o placar, mas a jogada já estava parada pela arbitragem. Aos 6, Marrony protegeu bem, passou pela marcação de Anderson Martins e bateu com perigo de fora da área. A pressão continuou e três minutos depois, Marrony arrancou, travou e viu a passagem de Raul, que bateu na saída de Volpi. 

Melhor opção de ataque do Vasco na primeira etapa, Marrony quase marcou aos 22, quando arrancou da direita, puxou para o meio e chutou rasteiro, mandando muito perto do gol. Aos 35, após intervenção do VAR, O árbitro Anderson Daronco expulsou Raniel, do São Paulo. Aos 48, Talles fez lindo domínio após cruzamento e bateu por cima do gol, quase abrindo o placar.

A segunda etapa começou da mesma maneira, com o Gigante da Colina buscando o gol. Logo aos 3, Talles lançou Marrony no fundo, ele cruzou para Rossi que tentou o voleio, mas mandou por cima. Pouco depois, o time buscou o atacante de novo, que não aproveitou o cruzamento. O gol veio aos 11. Danilo cobrou escanteio, Castan desviou e Talles teve tempo para dominar e bater: VASCO 1 a 0. Foi o primeiro gol do garoto pela equipe profissional. 

O Vasco seguiu em cima e aos 32 quase ampliou. Fellipe Bastos roubou bola no meio e lançou Rossi na velocidade. O camisa 7 dominou e bateu forte, para defesa do goleiro. Três minutos depois, Talles bateu de fora, o goleiro espalmou e a bola sobrou para Rossi, que cruzou. Danilo deixou passar, respirou e cruzou na área para Fellipe Bastos completar: VASCO 2 a 0. Com ótima vantagem no placar, o Cruzmaltino apostou no contra-ataque e por pouco não ampliou. Fim de jogo, vitória vascaína e festa no Caldeirão.


COMPARTILHE

Curta Nossa Página no Facebook

Compartilhe

CURTA A NOSSA PÁGINA