domingo, 30 de dezembro de 2012

Hospitais terão vacina contra vício de cocaína em até 3 anos, prevê médico

Injeção tem função terapêutica e não previne vício, mas ajuda a tratá-lo.
Método também vai servir contra crack, diz pesquisador


Uma vacina contra o vício em cocaína deve estar pronta para ser usada em hospitais em até três anos, disse um dos principais pesquisadores do projeto para desenvolver o produto nos Estados Unidos, o professor de psiquiatria da Universidade Baylor de Medicina, Thomas Kosten.
O tratamento tem função terapêutica e não "previne" o vício, mas fortalece o sistema imunológico do dependente e ajuda a combater o uso da droga, segundo o médico. "Ela [a vacina] ajuda a produzir anticorpos específicos contra a cocaína", ressalta.
O princípio da vacina é o de vincular uma quantidade bem pequena da droga a uma proteína inofensiva. A substância resultante da combinação, ao ser injetada no organismo do viciado, faz com que seu sistema imunológico produza anticorpos contra a cocaína e a proteína, ressalta Kosten.

"Estes anticorpos 'seguram' a cocaína no sangue e evitam que ela chegue ao cérebro, prevenindo efeitos da droga, como euforia", afirmou o médico.
Os testes, até agora, indicaram que 40% dos vacinados tiveram redução no uso da cocaína. Após receber as aprovações necessárias do governo dos EUA, a vacina deve estar disponível também em farmácias, diz Kosten.
Contra o crack
A vacina também vai servir contra o vício em crack. O tratamento exige cinco rodadas de injeções ao longo de 12 semanas, para que sejam produzidos anticorpos em nível adequado. Após isso, é necessária uma nova aplicação a cada três meses, para fortalecer o sistema imunológico do dependente.
"Não há, até agora, efeitos colaterais ou riscos significativos observados", diz Kosten. Ele ressalta que a vacina pode, em teoria, ser usada por mulheres grávidas, "mas não há planos de testar neste segmento da população".
Recaídas
A injeção pode servir para evitar recaídas em viciados sob tratamento, entre outras funções, afirma o médico. "Um novo estudo nacional para medir a eficácia da vacina acabou de ser finalizado, e os resultados devem ser liberados na primavera de 2013 [entre março e abril, segundo as estações do ano nos EUA]."
A vacina é um "bloqueador", então seu uso deve evitar overdoses de cocaína, ressalta Kosten. Além das injeções, ele aponta que é importante que os viciados passem por terapia com psicólogos e tratamentos auxiliares, para se recuperar totalmente.
"É preciso pelo menos mais um teste clínico antes que o tratamento possa ser analisado pela FDA [agência de controle de medicamentos dos EUA], para distribuição no país", pondera o médico.
Outras injeções
Kosten diz estar pesquisando injeções para tratar outros tipos de vício em drogas. Entre as substâncias cujo vício pode ser combatido estão a morfina e a metanfetamina. "As vacinas estão sendo testadas em animais. No caso da metanfetamina, talvez em dois anos nós consigamos testar em humanos", diz o médico.
Os primeiros testes de vacinas contra drogas realizados em humanos ocorreram em 1996, e o primeiro estudo clínico do tratamento contra cocaína foi em 2009, de acordo com Kosten.

Fonte: G1

COMPARTILHE

Balanço indica que 81% das obras da Copa estão concluídos ou em andamento

Brasília - A um ano e meio da Copa do Mundo de 2014 e a seis meses da Copa das Confederações de 2013, os preparativos do Brasil para sediar as duas competições seguem em ritmo considerado positivo pelo Ministério do Esporte, segundo o qual 81% das obras programadas até o Mundial estão concluídos ou em andamento, totalizando 102 projetos, que envolvem estádios, portos, aeroportos e mobilidade urbana nas 12 cidades-sede da competição.  
Esses projetos constituem o primeiro ciclo de planejamento para o evento de 2014 e estão estimados em R$ 23,6 bilhões, segundo o 4º Balanço de Ações para a Copa, feito pelo ministério, no final deste mês, com base em dados de novembro passado.  Outros R$ 2,5 bilhões serão gastos nas ações do segundo ciclo com os setores de telecomunicações, turismo, segurança e defesa, energia e promoção, totalizando investimentos de R$ 26,1 bilhões.
O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, considera o balanço “um retrato positivo de que as obras, principalmente as relacionadas com a infraestrutura esportiva, estão dentro do cronograma acertado com a FIFA”. Por isso, o governo está otimista com a realização do Mundial e da Copa das Confederações no Brasil, até porque “algumas obras ficaram prontas bem antes da copa, como os estádios de Fortaleza e de Belo Horizonte e algumas intervenções em aeroportos. E as obras de mobilidade urbana e em portos estão em andamento”.
A Copa do Mundo de 2014 será a 20ª edição e terá o país como anfitrião pela segunda vez, sendo a primeira em 1950, quando o Uruguai conquistou o título e o Brasil foi vice-campeão. A competição será disputada entre 12 de junho e 13 de julho e ocorrerá pela quinta vez na América do Sul, 36 anos depois de a Argentina realizar o evento, em 1978.
As 12 capitais brasileiras que receberão os jogos são Belo Horizonte, Brasília, Cuiabá, Curitiba, Fortaleza, Manaus, Natal, Porto Alegre, Recife, Rio de Janeiro, Salvado e São Paulo. Mas antes, de 15 a 30 de junho de 2013, seis delas sediarão a Copa das Confederações, que funcionará como evento-teste para 2014: Belo Horizonte, Brasília, Fortaleza, Rio de Janeiro, Salvador e Recife.

Os estádios de Fortaleza (Castelão) e Belo Horizonte (Mineirão) já estão prontos e os outros quatro deverão ser entregues até abril de 2013, segundo o Ministério do Esporte.  Os demais deverão estar concluídos até dezembro de 2013. Os estádios receberão R$ 7,1 bilhões em investimentos, sendo R$ 3,76 bilhões em financiamento federal. O BNDES desembolsou R$ 1,9 bilhão, ou 51% do total, para oito projetos.

Agência Brasil

COMPARTILHE

sexta-feira, 21 de dezembro de 2012

'Nova Lei Seca' começa a valer a partir desta sexta

A partir desta sexta-feira entra em vigor uma versão mais rígida da Lei Seca. O projeto, que já havia passado pela Câmara e pelo Senado, foi sancionado sem vetos pela presidente Dilma Rousseff.
De acordo com a nova lei, o bafômetro não é mais a única forma de comprovação da embriaguez do motorista. Sinais que indiquem a alteração da capacidade psicomotora do condutor registrados em imagens, vídeos e em depoimentos de testemunhas passam a ser sufiecientes para comprovar o estado do motorista.
Outra mudança é o valor da multa, que agora é o dobro do valor anterior, chegando a R$ 1.915,40. O valor dobra novamente caso a infração já tenha sido cometida nos doze meses anteriores.
A sanção do projeto cumpriu as expectativas do ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, já que a nova lei será colocada em prática antes das festas de fim de ano, período em que os acidentes nas estradas se tornam mais comuns.

SRZD

COMPARTILHE

quarta-feira, 19 de dezembro de 2012

Municípios do interior apresentam programações natalinas


Shows, corais e desfiles estão entre as atrações para moradores e visitantes

Os municípios do interior do Estado estão com uma programação de Natal agitada. Cantatas, shows, apresentação de corais, desfile e feiras para compras de última hora estão entre as atrações que poderão ser contempladas por moradores e visitantes. A agenda começa com a exibição do Coral da Petrobras na Igreja Matriz de São Benedito, na Rua Niterói, em Rio das Ostras. Às 19h desta sexta-feira (21/12), músicas natalinas levarão à comunidade a refletir sobre o verdadeiro espírito do Natal.

Quem estiver na cidade poderá aproveitar para visitar a Casa do Papai Noel que está instalada na Praça Pereira Câmara. O espaço fica aberto até o dia 6 de janeiro, das 13h às 23h. Mas quem quiser garantir a foto da criançada ao lado do Bom Velhinho tem apenas até este domingo (23/12) para fazer o clique. O personagem está disponível das 18h às 23h.

Em Nova Friburgo, a Praça Dermeval Barbosa Moreira recebe apresentações de música ambiente até o próximo sábado (22/12). No domingo, a banda Union Jack (Beatles Band) faz um show das 22h à meia-noite. A banda As fulanas traz seu repertório de MPB após o réveillon, com show no dia 2 de janeiro, das 19h às 21h.

O município também montou a sua Casa do papai Noel, que funciona das 14h às 20h na Unisa Cultural (Praça Getúlio Vargas). Uma exposição de cerâmica do Circuito de Ceramistas de Nova Friburgo também faz parte da programação. As peças podem ser contempladas todos os dias, das 8h às 20h, até o dia 28 de dezembro, no Centro de Informações Turísticas.

A agenda de Petrópolis também traz muitas opções gratuitas. Nesta sexta-feira (21/12), corais petropolitanos se reúnem no Concerto Integração 500 Vozes, na Igreja Nossa Senhora do Rosário. O espetáculo traz cantores de 6 a 90 anos de idade na tradicional confraternização da cidade.

No Palácio de Cristal, o Papai Noel continua distribuindo balas para petropolitanos e turistas até o próximo domingo, das 9h às 17h. A Feira de Artesanato e Gastronomia também continua até o dia 23 de dezembro, das 9h às 18h, nos jardins do palácio, com aceitação de cartão de crédito por algumas barracas.

Quem ainda não comprou os presentes de Natal também poderá conferir algumas sugestões no Desfile Fashion que a Feirinha de Teresópolis vai organizar na Praça Higino da Silveira, no Alto, no sábado e domingo. Expositores mostrarão suas peças na quadra esportiva, das 12h às 16h. Até o próximo dia 25, os 550 estandes que formam a tradicional feira da cidade funcionarão em esquema especial, das 10h às 19h.



  Fabiana Paiva 

COMPARTILHE

domingo, 9 de dezembro de 2012

Josias participa de reunião no Palácio Guanabara

O prefeito eleito de Santo Antônio de Pádua, Josias Quintal, participou da reunião no Palácio Guanabara, sede do Governo do Estado, com o presidente da Comissão de Agricultura e Pecuária da Alerj, deputado estadual Christino Áureo e com o Secretário de Governo, Wilson Carlos. Na pauta, o desenvolvimento da agricultura no interior fluminense. Segundo o deputado, o município é de grande importância para a produção fluminense.

O governo Sergio Cabral implantou ações importantes para a agropecuária, com projetos inovadores que estão acarretando num aumento substancial da produção no campo. Convidei o prefeito para esse encontro a fim de informá-lo sobre as políticas públicas e sobre as legislações que beneficiam o setor – afirmou Christino Áureo.

Na ocasião, o prefeito reafirmou a importância de estreitar a relação com o governo estadual e saíu satisfeito com o apoio recebido. Christino ressaltou que a silvicultura (plantio de florestas com fins comercial e industrial) está sendo apontada como uma atividade que poderá ser destaque em Santo Antônio de Pádua.

Essa atividade tem apresentado bons resultados e Santo Antônio de Pádua quer se preparar para aproveitar esse bom momento – disse.

Fonte: Assessoria

COMPARTILHE

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

São José de Ubá ganha centro de educação tecnológica

Unidade da Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) tem capacidade para formar 1.200 alunos por ano


O ensino profissionalizante do Estado do Rio ganhou, nesta sexta-feira (07/12), um importante reforço. O governador Sérgio Cabral inaugurou o Centro de Educação Tecnológica e Profissionalizante (Cetep) de São José de Ubá, no Noroeste Fluminense. O 64 Cetep da Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec) tem capacidade para formar 1.200 alunos por ano.

- A realidade do ensino profissionalizante no Estado é outra. Hoje nós temos um ensino profissionalizante de verdade, que qualifica as pessoas. Quem faz curso aqui, seja de quatro meses, de três meses, de um ano, elas saem qualificadas para o mercado de trabalho. Num Estado do Rio que cresce o que mais se precisa é de gente qualificada. Uma pessoa que tenha a sua profissão tem muito mais chances de conseguir um emprego e ganhar mais – afirmou o governador Sérgio Cabral.

Os moradores de São José de Ubá e arredores contam com os cursos de cabeleireiro, eletricista instalador predial de baixa tensão, encanador instalador predial, espanhol, operador de computador, inglês, manicure, e pedreiro de alvenaria. Em janeiro, serão abertas as inscrições e a previsão é que sejam oferecidas 360 novas vagas.

- São José de Ubá, como todo o Estado do Rio de Janeiro, está em amplo crescimento. Então, vimos a necessidade de oferecer profissionalização para essa região - afirmou Elder Lugon, presidente da Faetec.

A unidade está funcionando oficialmente desde junho e já formou os seus primeiros profissionais. Para o segundo semestre deste ano foram oferecidas 400 vagas. A unidade conta com 16 salas de aula e dois laboratórios de informática. Os cursos contam com aulas práticas e teóricas.

Somando forças

Durante a visita a São José de Ubá, o governador também entregou outras obras feitas em parceria com a prefeitura através do programa Somando Forças. Os moradores agiram podem desfrutar da Academia Popular Cledecir dos Santos, a reformada Praça Abelardo Pinto Ferreira, a ampliação da sede da Apae e obras de pavimentação de 14 km de estradas.

 Danielle Moitas

COMPARTILHE

Estado inaugura obras de pavimentação e recuperação da RJ-234

Trecho de 23 quilômetros que liga São Fidélis a Italva recebeu R$ 39 milhões em investimento

ITALVA - O governador Sérgio Cabral, acompanhado do vice-governador Luiz Fernando Pezão, participou, nesta sexta-feira (7/12), da entrega das obras de pavimentação e recuperação da RJ-234, com 23 quilômetros de extensão de serviços no trecho que liga o município de São Fidélis, no trecho da BR-356, à rodovia RJ-194, em Pureza/Italva. Este projeto teve um investimento de R$ 39 milhões.

Segundo o governador, a entrega das obras da RJ-234 beneficiará as pessoas, os produtos escoados e a economia do Estado.

- Esta estrada é um sonho de mais de 50 anos. O deslocamento para mais longe e para outras cidades passou a ser de outra qualidade, o conforto das pessoas e, ao mesmo tempo, a garantia de viabilizar a economia da região, pois o escoamento da produção também ganha. Este é um presente que estamos dando a esta região. Esta estrada faz uma ligação estratégica e vai gerar, possivelmente, empregos e bem-estar às pessoas – explicou.

O programa de ações neste trecho da RJ-234 recebeu intervenções de drenagem, terraplanagem e pavimentação, além da construção de acostamentos, possibilitando maior segurança neste trajeto até a BR-356. A iniciativa gerou cerca de cem empregos diretos. A nova estrutura da rodovia RJ-234 diminuirá em 80 quilômetros a distância entre São Fidélis e as cidades de Italva e Cardoso Moreira.

O vice-governador, Luiz Fernando Pezão, também anunciou um novo pacote de obras para a região Noroeste. Estão previstas melhorias em estradas e no controle das cheias.

- A presidenta Dilma (Rousseff) liberou R$ 250 milhões para os canais de transposição de Italva, de Cardoso, de Laje do Muriaé, de Itaperuna e de Santo Antônio de Pádua - enumerou Pezão.

O prefeito de São Fidélis, Luiz Fenemê, falou que a presença do Governo do Estado foi essencial para que esta obra se realizasse.

- Agradeço ao governador pela parceria. Trabalharemos juntos para tornar o município cada vez melhor – disse.

O intervalo reformado da RJ-234 recebeu intervenções de drenagem, terraplanagem e pavimentação, além da construção de acostamentos, possibilitando maior segurança nesse trajeto. A nova rodovia estadual é de considerável importância para o estado, por ser rota de escoamento da produção agrícola de São Fidélis.
Moradores aprovam a recuperação da RJ-234

Renato Pimentel, de 71 anos, só tem motivos para comemorar, pois a sua casa fica localizada na nova estrada pavimentada.

- Antes, esta rodovia era de barro e toda esburacada. A situação piorava mais quando chovia. Por conta disto, o meu carro vivia com problemas no motor. Agora, tudo mudou. Só tenho a agradecer ao Governo do Estado – falou.

Com 63 anos de idade, o aposentado Sebastião Quaresma acredita que o turismo aumentará no município por conta das intervenções realizadas na estrada.

- Esta rodovia ligará São Fidélis aos estados do Espírito Santo e Minas Gerais. Isto será muito bom, poiso comércio lucrará com a presença de novos visitantes – finalizou.


  Virgínia Cavalcante

COMPARTILHE

Compartilhe