sexta-feira, 2 de fevereiro de 2018

Secretaria Estadual de Agricultura vai recuperar estradas vicinais das cidades do Noroeste Fluminense

O Diário Oficial de quarta-feira (31) publicou o aviso de concorrência pública para as empresas interessadas em operacionalizar as máquinas e equipamentos que integram as patrulhas mecanizadas do programa e que vão realizar o trabalho. Os recursos são provenientes de parte de verba adicional do Banco Mundial aprovada no ano passado para investimento no Rio Rural.
– Essa parceria com o Banco Mundial é de extrema importância para que as metas possam ser cumpridas nos municípios do estado do Rio de Janeiro.  O nosso objetivo é melhorar as condições de trabalho e de vida dos produtores e da população – afirmou o Jair Bittencourt.
Desde sua criação em 2010, o Estradas da Produção já fez  a manutenção e recuperação de mais de 30 mil quilômetros de vicinais, atuando em todo o território fluminense em parceria com as prefeituras.  Em virtude das restrições orçamentárias do Estado, o programa foi redirecionado  e passa a atender  às microbacias contempladas pelo programa de desenvolvimento rural sustentável.
Nessa nova etapa, também estão incluídas obras de revestimento  primário com brita corrida e compactada ao leito em 89 quilômetros das vias nas microbacias. A execução e fiscalização dos trabalhos, a serem concluídos até o fim do ano, serão feitos pelas equipes da Engenharia Rural da Emater-Rio e corpo técnico da Secretaria de Agricultura.
Confira os municípios onde estão localizadas as microbacias que receberão as obras: Bom Jesus do Itabapoana, Itaperuna, Laje do Muriaé, Natividade, Porciúncula, Varre-Sai, Aperibé, Itaocara, Miracema, Santo Antônio de Pádua, São José de Ubá, Cambuci, Cardoso Moreira, Italva, Macuco, São Fidélis, São Sebastião do Alto, Bom Jardim, Cantagalo, Carmo, Cordeiro, Duas Barras, Nova Friburgo, Carapebus, Conceição de Macabu, Macaé, Quissamã, Santa Maria Madalena, Trajano de Morais, Campos dos Goytacazes, São Francisco do Itabapoana, São João da Barra, Sapucaia, São José do Vale do Rio Preto, Sumidouro, Teresópolis, Araruama, Cabo Frio, Cachoeiras de Macacu, Itaboraí, Magé, Rio Bonito, Saquarema e Tanguá.


COMPARTILHE

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Compartilhe