sexta-feira, 15 de setembro de 2017

Programa de prevenção às drogas da PM beneficiou 13 mil alunos em Rio das Ostras


Proerd foi implantado há 25 anos no Estado do Rio de Janeiro e chegou à Cidade em 2010




O Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ) completou 25 anos de atuação em agosto. Parceiro da Prefeitura de Rio das Ostras desde 2010, o Proerd já atendeu cerca de 13 mil alunos da Rede Municipal ao longo desse período.

Levar informações aos estudantes para que se mantenham longe das drogas, prevenir a violência e, ao mesmo tempo, fortalecer a relação entre Polícia Militar, escola e família. São esses os principais objetivos do programa, que promove atividades interativas com participação de grupos e possui material didático próprio.

Segundo o supervisor técnico-pedagógico do Proerd na área do 32º Batalhão de PMERJ, Sargento Magalhães, o programa leva os estudantes a refletir diante de cada situação-problema. “Estimulamos os alunos a fazer escolhas seguras e responsáveis, mostrando que cada ação tem suas consequências, positivas ou negativas. Enfatizamos assim a responsabilidade que possuem quando precisam decidir o que fazer, já que esses atos afetam as suas famílias e toda a sociedade”, explica.

Sargento PM Magalhães recorda que o Rio de Janeiro foi pioneiro na implantação do Proerd, que atualmente está presente em todos os estados brasileiros. A iniciativa é inspirada no DARE - Drug Abuse Resistance Education, programa educacional de resistência ao abuso de drogas iniciado em 1983, na Califórnia, Estados Unidos.

Desde a implantação do Proerd na Rede Municipal de Rio das Ostras, em 2010, foram atendidos 8.012 alunos do 5º ano e 5.080 dos 1º, 2º e 3º anos do Ensino Fundamental. Neste segundo semestre de 2017 estão sendo formados 969 estudantes do 5º ano e 379 que cursam entre o 1° e 3º anos.

CIDADE PRAIANA - Uma das unidades de ensino de Rio das Ostras beneficiadas com a iniciativa é a Escola Municipal Cidade Praiana. “Nossos alunos amam o programa e sentimos a alegria deles durante os encontros promovidos pelos instrutores. O material didático do Proerd é de excelente qualidade e os temas tratados são muito relevantes. Acredito na importância do trabalho de prevenção”, destaca o diretor da escola, Marcio Peres.

Para Raquel Gomes, professora regente de uma das turmas do 5º ano da Cidade Praiana atendidas pelo programa, o Proerd traz muitos benefícios para os estudantes. “São encontros que estimulam a reflexão e, a partir das lições aprendidas, nossos alunos se sentem mais à vontade para falar dos problemas enfrentados em casa”, conta a educadora.

Os alunos que participam do Proerd mostram que já aprenderam muitas lições. “Estão me ensinando como fazer para evitar as drogas. Quando crescer, quero ser policial, como a nossa instrutora, e assim ajudar outras pessoas a não usar drogas, beber e fumar”, planeja Dhenniffer Silva, de 12 anos.

Outro assunto tratado no programa, a prevenção ao bullying, também está despertando interesse. “Devemos fazer com os outros apenas o que desejamos que façam conosco. É importante aprender a respeitar as diferenças porque cada pessoa tem um tipo de cabelo, uma cor de pele, um jeito de ser”, enfatiza Janiny Cristine da Cunha, de 11 anos.

PROERD EM ATUAÇÃO - No Estado do Rio de Janeiro, o Proerd é voltado para três diferentes segmentos. Para os alunos do 1º ao 3º ano, os instrutores direcionam orientações sobre segurança. As turmas de 5º ano recebem informações sobre os riscos das drogas, da violência e do bullying. Para esses últimos existe o caderno de atividades dividido em 10 lições. Já os alunos do Ensino Médio contam com palestras sobre o tema. Todas as ações são conduzidas pelos instrutores do programa.

“O Proerd foi implantado no Estado do Rio de Janeiro com o objetivo de aproximar a Polícia Militar da comunidade. Atendemos a 1 milhão e 200 mil alunos em 25 anos de atividades. Hoje sediamos um Centro Nacional de Capacitação e contamos com 250 instrutores que atuam nos municípios fluminenses”, afirma Sargento PM Magalhães.

Com coordenação geral do Major PM Pimenta e coordenação técnica do Major PM Lima no Estado do Rio de Janeiro, o Proerd conta com três instrutores em Rio das Ostras: 1º Sargento PM Marcelo Iorio, 1º Sargento PM Ferreira e a Cabo PM Cristiane.
https://ssl.gstatic.com/ui/v1/icons/mail/images/cleardot.gif


Nenhum comentário:

Postar um comentário