quarta-feira, 21 de junho de 2017

Duelo no alto: Botafogo e Vasco se enfrentam para permanência no G-6

Melhores do Rio atualmente - ambos com 12 pontos - Glorioso busca entrar de vez na zona da Libertadores, enquanto Cruz-Maltino quer se manter nela. Duelo será no Nilton Santos


Conto de fadas ou realidade? Seja pelo lado econômico ou pelo que se viu no Estadual - com o primeiro atuando com os reservas em grande parte dele - Botafogo e Vasco se enfrentam na noite desta quarta como melhores do Rio, empatados em número de pontos e brigando por uma vaga no G-6. O triunfo é a chance de embalar de vez. Os rivais cariocas duelam às 21h, no Nilton Santos, pelo Campeonato Brasileiro.

Pelo lado do Glorioso - mandante do clássico desta quarta - o desejo é de fazer valer o fator casa. Depois do tropeço contra o Coritiba, a equipe de Jair tem a sequência Vasco/Avaí no Nilton Santos. E um triunfo como mandante pode ser importante para a consolidação de vez no bloco de cima da competição.

- Em casa, temos que fazer o nosso dever. Será contra um clube onde já passei, que me mostrou para o cenário do futebol. Espero que essa "Lei do ex" venha e eu possa ajudar o Botafogo - ressaltou o atacante Rodrigo Pimpão, em coletiva.

No lado do Vasco a palavra que predomina é consciência. Principal nome da equipe no Campeonato Brasileiro, sendo o artilheiro com cinco gols, o atacante Luis Fabiano comentou sobre a importância da equipe manter os pés no chão para que os objetivos sejam alcançados. Ele lembrou de equipes que hoje estão na zona inferior da tabela, mas que possuem qualidade para ir pra cima.
- A gente é bastante consciente. É um grupo que tem a consciência de que tem que manter os pés no chão. O Brasileiro é muito longo, está começando agora. Tem times lá embaixo que não vão ficar embaixo, como Palmeiras e Atlético-MG. Precisamos ir devagar, jogo a jogo, um passo de cada vez, sem euforia, porque está muito cedo - lembrou Fabuloso, em coletiva na terça-feira.

Lance

Nenhum comentário:

Postar um comentário